Volkswagen Parati GL 1.8 1995 versão intermediária no ultimo ano de produção

Carros dos anos 90 Parati Quadrada Volkswagen

No último ano de produção da Parati Quadrada, a versão intermediária vinha com muita força, equilíbrio e com um lindo visual

No início da década de 1980 em seu lançamento a versão intermediária utilizava as siglas “LS” em 1987 com a primeira mudança no visual externo, ganhando os famosos para – choques envolventes, ganhou nova nomenclatura “GL”, que foi utilizada até 1995 em seu último ano de produção.

Com acabamento interno monocromático, vidros elétricos, painel satélite, rodas de liga leve cromadas e faróis de neblina como opcionais, embutidos no para – choque dianteiro, agradava os fãs da montadora, mas equipamentos como ar – condicionado e direção hidráulica e conta – giros, só estavam disponíveis para a versão top de linha “GLS”.

Em 1995 a Parati Quadrada tinha uma estrutura menos moderna que seus concorrentes, Fiat Elba e Chevrolet Ipanema, mesmo assim a relação carroceria, chassis / bloco, aliados ao eficiente motor e câmbio AP davam ao modelo VW uma relação custo benefício melhor.

Desempenho

Equipada com motor AP 1.8, e pesando 1035 KG. era ágil na cidade, e segura na estrada principalmente em ultrapassagens e retomadas;

O câmbio 5 marchas de relações curtas, era macio e de engates precisos, mesmo com trocas de marchas rápidas;

Com um peso muito bem distribuído, oferecia uma boa estabilidade em curvas de alta, entre os quatro modelos da linha BX, era o segundo mais aerodinâmico, ficando atrás apenas do GOL quarado;

Os freios também eram um ponto positivo, eficientes mesmo com carga máxima.

Acabamento Externo

Frente com faróis retangulares, embutidos um mesmo conjunto com as setas, alinhados com a grade de ar, tendência norte americana para se adaptar as novas legislações dos modelos exportados;

Para-choque envolventes na cor grafite;

Farol de neblina embutido no para – lama dianteiro – Opcional de época.

Friso emborrachado na lateral;

Rodas de liga – leve cromadas estilo enraiada, 175/70 R13.

Retrovisores satélites com controle mecânico interno;

Lanternas traseiras tricolor, tradicionais Parati e Saveiro;

Bagageiro esportivo na cor grafite;

Limpador e lavador do vidro traseiro.

Acabamento interno

Painel satélite, com mostradores básicos + relógio analógico;

Volante espumado de 4 raios, o tradicional 4 bolas;

Ventilador de três velocidades;

Acendedor de cigarros.

Cinzeiro embutido no console abaixo do painel.

Rádio toca – Fitas digital VW;

Porta fitas K-7;

Controle interno mecânico dos retrovisores;

Acionamento dos vidros manual, Opcional Elétrico;

Acabamento de bancos e portas em tecido marrom;

Encosto de cabeça com regulagem, apenas nos bancos dianteiros;

Assoalho e porta-malas acarpetados.

Ficha Técnica – Volkswagen parati GL 1.8 1995

Carroceria SW;

Porte Compacto;

2 portas;

Motor AP 1.8;

Cilindros 4 em linha;

Longitudinal;

Tuchos mecânicos;

Tração dianteira;

Combustível Gasolina;

Carburador;

Direção simples;

Câmbio manual de 5 marchas;

Embreagem monodisco a seco;

Freios a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;

Peso 1035 KG;

Potência 96 CV;

Potência Máxima 5200 RPM.

De 0 a 100 – 10,3 Segundos;

Velocidade máxima 169 KM/h;

Consumo Consumo na Cidade 7 KM/L – Estrada 11,5 KM/L;

Porta malas 530 Litros;

Carga útil 460 KG;

Tanque de combustível 55 Litros;

Preço atualizado aproximado R$ 58.273,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária.

Motor Tudo – Volkswagen Parati GL 1.8 1995

Carros Clássicos Brasil – Parati Quadrada

Volkswagen Parati GL 1.8 1995 versão intermediária no ultimo ano de produção
5 (100%) 2 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *