Santana Executivo 20i X Monza Classic 500 EF 20i leia a matéria e escolha o seu

Compartilhe

Eles desembarcaram no Brasil no início da década de 1980, e travaram uma grande batalha durante toda a década, que dividiu o mercado em dois grupos de fãs que até os dias de hoje discutem qual é o melhor

As versões Santana Executivo 20i e Monza Classic 500 E.F 20i, foram desenvolvidas com o foco no ano de despedida da geração quadrada de ambos os modelos em 1990, foram as versões mais completas e eficientes até aquele ano.

O modelo Volkswagen, tinha o foco em entregar um carro muito luxuoso e rápido, o melhor que a família Passat 2 aqui no Brasil poderia oferecer. Já o modelo da Chevrolet, também tinha a mesma intenção, mas aproveitou a fama do piloto brasileiro e fez sua unidade como a série especial, 500 milhas de Indianápolis, conquistada pelo piloto brasileiro Emerson Fittipaldi.

No início da década de 1980, quando ambos chegaram ao Brasil, nem tudo funcionou como esperado, o VW Santana recebeu os primeiros lotes de motores que na verdade era uma evolução do motor do Passat quadrado, o MD 270 1.6 rebatizado de MD-280 1.8, logo a montadora viu a merda que fez, e voltou para as pranchetas, e no final de 1984 já como modelo 1985 colocou no mercado o saudável e eficiente motor AP 1.8.

Com o Chevrolet Monza não fui muito diferente, até o ano de 1984, os motores 1.6 e 1.8 a álcool, tinham uma enorme dificuldade para se adaptar ao combustível derivado da cana de açúcar, o motivo foi que, ambos haviam sido desenvolvidos, para funcionar com gasolina europeia aditivada e injeção eletrônica, aqui no Brasil receberam carburadores e combustível a álcool, mas em 1985 o problema foi resolvido.

Segue abaixo fotos e ficha técnica de cada modelo escolha o seu

Chevrolet Monza Classic 2.0i 500 EF 1990

Acabamento Externo

Acabamento Interno

Visual externo

Ficha Técnica e fotos do motor

Ficha Técnica – Monza Classic 500 EF 20i 1990

Carroceria – Sedã;

Porte – Médio;

Portas – 2;

Motor –  Chevrolet Família II 2.0;

Cilindros – 4 em linha;

Válvulas por cilindro – 2;

Posição – Transversal;

Combustível – Gasolina;

Potência – 116 cv;

Peso Torque – 65,2 kg/kgfm;

Cilindrada – 1998 cm³;

Torque máximo – 17,8 kgfm a 3000 rpm;

Potência Máxima – 5400 rpm;

Tração – Dianteira;

Alimentação – Injeção eletrônica MultiPonto;

Direção – Hidráulica;

Câmbio – Manual de 5 velocidades com alavanca no assoalho;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a disco ventilado nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;

Peso – 1160 kg;

Suspensão dianteira – Independente, McPherson – Mola helicoidal;

Suspensão traseira – Eixo de torção – Mola helicoidal;

Comprimento – 4366 mm;

Distância entre-eixos – 2574 mm;

Largura – 1668 mm;

Altura – 1358 mm;

Aceleração de 0 a 100 – 10,8 Segundos;

Velocidade máxima – 173 km/h;

Consumo: Cidade 9,2 km/l – Estrada 13,9 km/l;

Autonomia: Cidade 524 km – Estrada 792 km;

Porta malas – 510 Litros;

Carga útil – 440 kg;

Tanque de combustível – 57 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 173.107,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

Santana Executivo 20i 1990

Acabamento Externo

Acabamento Interno

Visual externo

Ficha Técnica e fotos do motor

Carroceria – Sedã;

Porte – Médio;

Portas – 4;

Motor –  AP 2000i;

Cilindros – 4 em linha;

Válvulas por cilindro – 2;

Posição – Longitudinal;

Combustível – Gasolina;

Potência – 125 cv;

Peso Torque – 58,5 kg/kgfm;

Cilindrada – 1984 cm³;

Torque máximo – 19,5 kgfm a 3000 rpm;

Potência Máxima – 5800 rpm;

Tração – Dianteira;

Alimentação –  Injeção Multiponto;

Direção – Hidráulica;

Câmbio – Manual de 5 marchas com alavanca no assoalho;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a disco ventilado nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;

Peso – 1140 kg;

Suspensão dianteira – Independente, McPherson – Mola helicoidal;

Suspensão traseira – Eixo torção – Mola helicoidal;

Comprimento – 4527 mm;

Distância entre – eixos – 2550 mm;

Largura – 1695 mm;

Altura – 1402 mm;

Aceleração de 0 a 100 – 10,3 Segundos;

Velocidade máxima – 171 km/h;

Consumo: Cidade 8,8 km/l – Estrada 12,9 km/l;

Autonomia: Cidade 634 km – Estrada 929 km;

Porta malas – 394 Litros;

Carga útil – 445 kg;

Tanque de combustível – 72 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 174.809,00 – Com pacote de opcionais;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

Deixe uma resposta