fbpx
Pular para o conteúdo

Omega CD 3.8 2004 um australiano acima da média

Omega CD 3.8 2004
Compartilhe

Omega CD 3.8 2004 um australiano acima da média, ele chegou ao Brasil em 1999, um modelo de luxo de grande porte de alto custo, com preço das versões intermediárias dos modelos Mercedes Benz e BMW.

O modelo era equipado com o conjunto propulsor Buick Series II L36 de 200 cv, com torque máximo de 31 kgfm a 3600 rpm a gasolina, alcançando velocidade final de 216 km/h limitados pela montadora, e acelerava de 0 a 100 em 10 segundos, em países como Canadá alcançava velocidade final de 250 km/h.

O Omega Australiano tinha todos os atributos de um modelo de elite, mesmo pesando 1637 kg, era ágil, preciso em retomadas mesmo com câmbio automático, e na estrada um verdadeiro navegador silencioso, com uma ótima velocidade de cruzeiro se mantinha por longos períodos em velocidades acima de 180 km/h, sem oscilações ou balanços repentinos.

Desde 1999 quando iniciou suas importações para o Brasil, o modelo deixou de ser comercializado em massa. A montadora passa a trabalhar com vendas direcionadas para um público bastante específico. Entre os anos 2000 e 2007, quando encerrou sua importação, o carro era bastante visto na função de veículo oficial, de governadores estaduais, ministros e deputados, uma espécie de remember do Opala preto 4 portas das décadas de 1970 e 1980.

O projeto na prática era o Holden Commodore VT australiano, montado na plataforma do Omega B alemão, era produzido pela Holden no subúrbio de Adelaide na Austrália ao norte da área metropolitana.

Entre os anos de 2008 e 2015, passou a ser um dos modelos de elite de alto custo mais comercializados em lojas revendedoras de marcas de elite. São empresas direcionadas a um público amantes de importados de luxo, com muito dinheiro no bolso para comprar e manter uma unidade seminova, mas que financeiramente não alcançam um exemplar zero km.

O Omega CD 3.8 2004, começa a ganhar seu espaço no mercado de carros clássicos, ainda de maneira muito tímida. Apenas unidades nunca restauradas, e que tenham 100% de originalidade são aceita no meio dos colecionadores, os preços podem variar entre R$ 75.000,00 e R$ 90.000,00.

Omega CD 3.8 2004

Ficha Técnica – Omega CD 3.8 2004

Carroceria – Sedã; Porte – Grande; Portas – 4; Motor –  Buick Séries II L36 3.8 V6; Cilindros – 6 em V; Posição – Longitudinal; Válvula por cilindro – 2; Tração – Traseira; Combustível – Gasolina; Alimentação –  Injeção Multiponto; Direção – Hidráulica.

Câmbio – Automático de 4 velocidades – Código 4L60 E; Embreagem – Conversor de torque; Freios – Freio ABS – Disco ventilado nas rodas dianteiras e sólido nas rodas traseiras; Peso – 1637 KG; Comprimento – 4964 mm; Distância entre-eixos – 2788 mm; Largura – 1842 mm; Altura – 1440 mm.

Potência – 200 cv; Cilindrada – 3791 cm³; Torque máximo – 31 kgfm a 3600 rpm; Potência Máxima – 5200 rpm; Aceleração de 0 a 100 – 10 Segundos; Velocidade máxima – 216 km/h; Consumo: Cidade 5,5 km/l – Estrada 9,5 km/l; Autonomia: Cidade 413 km – Estrada 713 km.

Porta malas – 475 Litros; Carga útil – Não informado; Tanque de combustível – 75 Litros; Valor atualizado Aproximado –  R$ 425.990,00; Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Omega CD 3.8 2004
Omega CD 3.8 2004

Carros antigos

Fusca Oval, a geração CKD importada em parceria com a Brasmotor e a VW Gol GTS 87 o único ano com painel quadrado e um preço muito salgado Porsche 911 verde, o Carrera RS Clone 78, ganha motor 3.3, e novo sistema de alimentação Chevrolet Master 85, a geração JB de 1939 exportada para o Japão Vectra GSi, 2.0 16V SFi, alcançava 210 km/h e ainda fazia na cidade 10,6 km/l Fusca branco, capim e formiga é o que mais tem no Brasil, era um ditado da década de 1970 Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos