fbpx
Pular para o conteúdo

T Cross 1.0 turbo e Chevrolet Tracker lideram o mês de setembro de 2023

T Cross 1.0 turbo
Compartilhe

T Cross 1.0 turbo e Chevrolet Tracker lideram o mês de setembro de 2023 como os mais emplacados dentro do segmento dos SUV’s compactos, ambos os modelos vem disputando a liderança desde janeiro.

Entre os meses de janeiro e setembro de 2023, o Volkswagen T Cross em todas as suas versões, emplacou 51.406 unidades, já o Chevrolet Tracker emplacou 47.316 exemplares, o modelo Volkswagen lidera com 4.090 unidades a mais vendidas em todo o período.

Apenas nos meses de fevereiro e março de 2023, o Hyundai Creta, liderou as vendas, foram 10.457 unidades comercializadas no período de 60 dias, a partir de abril, VW T Cross volta a liderança e o Chevrolet Tracker a vice liderança.

Em setembro de 2023 o resultado foi: VW T Cross 5.365 unidades vendidas e o Chevrolet Tracker com 6.537 exemplares emplacados, seguidos de perto pelo sul coreano Hyundai Creta que vendeu 5.195 unidades no mesmo período.

A versão de entrada do SUV Volkswagen o T Cross 1.0 turbo, vem puxando o segmento dos SUV’s compactos, com vendas em massa para frotistas direto da fábrica, que acabou alavancando o modelo na liderança, o preço para pessoa física na concessionária parte de R$ 138.990,00, Já a versão Tracker 1.0 AT parte de R$ 128.350,00, e o Creta 1.0 AT R$ 135.990,00.

O T Cross 1.0 turbo não possui uma lista de equipamentos muito vasta. Alguns exemplos dos bons participantes desta lista, 6 airbags, assistente de partida em rampa, ajuste elétrico dos retrovisores, sistema start stop, comando interno do bocal de abastecimento, computador de bordo, entre outros.

T Cross 1.0 turbo

Ficha Técnica – T Cross 1.0 – Ano 2023

Carroceria –  Volkswagen SUV; Porte – Compacto; Portas – 4; Motor – 1.0 EA211 Turbo; Cilindros – 3 em linha; Válvulas por cilindro – 4; Posição – Transversal; Combustível – Flex; Potência – 128 cv (A) 116 cv (G); Cilindrada – 999 cm³.

Torque máximo – 20,4 kgfm (A) 20,4 kgfm (G) a 2000 rpm; Potência Máxima – 5500 rpm; Tração – Dianteira; Alimentação –  Injeção direta; Direção – Elétrica; Câmbio – Automático de 6 marchas; Embreagem – Conversor de torque;

Freios – ABS Disco ventilado nas rodas dianteiras e sólido nas rodas traseiras; Peso – 1252 kg; Controle de tração – Sim; Controle de estabilidade – Sim; Comprimento – 4199 mm; Distância entre-eixos – 2651 mm; Largura – 1760 mm; Altura – 1568 mm.

Aceleração de 0 a 100 – 10,4 Segundos; Velocidade máxima – 184 km/h; Consumo: Cidade 8,3 km/l (A) 12 km/l (G) – Estrada 10 km/l (A) 14,4 (G); Porta malas – 373 Litros; Carga útil – 458 kg; Tanque de combustível – 52 Litros.

T Cross 1.0 turbo
T Cross 1.0 turbo

Carros antigos

Fusca Oval, a geração CKD importada em parceria com a Brasmotor e a VW Gol GTS 87 o único ano com painel quadrado e um preço muito salgado Porsche 911 verde, o Carrera RS Clone 78, ganha motor 3.3, e novo sistema de alimentação Chevrolet Master 85, a geração JB de 1939 exportada para o Japão Vectra GSi, 2.0 16V SFi, alcançava 210 km/h e ainda fazia na cidade 10,6 km/l Fusca branco, capim e formiga é o que mais tem no Brasil, era um ditado da década de 1970 Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos