fbpx
Pular para o conteúdo

Ford Escort XR3 2.0i 1995 O Esportivo nacional mais confortável

Compartilhe

O Ford Escort XR3 2.0i 1995 não era apenas um dos esportivos mais rápidos do Brasil, mas também entregava muito luxo e requinte.

Um esportivo muito rápido, gostoso de dirigir, bom de estrada, e ao mesmo tempo entregava conforto e itens só encontrados em carros de luxo.

Entre 1993 até o primeiro semestre de 1995 o Ford Escort XR3 2.0i, foi o esportivo nacional de maior velocidade final, 187 KM/h reais, superado apenas no segundos semestre de 1995 com a chegada do GOL GTi 2.0 16V que atingia incríveis 204 KM/h.

Mas além de uma ótima velocidade final, o modelo Ford era extremamente gostoso de dirigir, tanto na cidade quanto na estrada, muito ágil, nervoso nas retomadas, silencioso e muito macio.

A Ford no início dos anos 90, já havia resolvido com a segunda geração da família Escort os problemas estruturais e de suspensão que deixava o carro muito instável, tanto na estrada quanto na cidade, finalmente a montadora havia conseguido conciliar uma suspensão macia e ao mesmo tempo eficiente.

Desempenho – Ford Escort XR3 2.0i 1995

 O robusto e confiável motor AP 2.0i dava ao carro além de muita força e agilidade, um nível de ruído interno muito confortável mesmo em altas rotações, sem passar vibrações para a cabine.

Em curvas de alta mesmo com pista molhada se comportava muito bem, mas em retas após atingir 130 KM/h era sempre bom o motorista ficar atento, o carro repentinamente balançava nas retas.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Acabamento Externo

Carroceria hatch 2 portas médio porte.

Frente com faróis chanfrados embutidos com a luz de seta.

Para-choques envolventes na cor do carro.

Faróis de neblina e luz de sinalização embutidas no para-choque dianteiro.

Retrovisor panorâmico, com controle elétrico.

Rodas de liga-leve exclusivas 185/60 R14.

Friso lateral emborrachado preto.

Teto solar.

Aerofólio na tampa do porta-malas.

Logo “Escort XR3 2.0i” na tampa do porta malas.

Lanternas traseiras bicolor fumê.

Limpador de vidro traseiro.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Acabamento Interno

Painel de fácil visualização, com conta – giros e mostradores em meia lua;

Indicadores de Check-list abaixo dos mostradores;

Volante espumado de três raios;

Ventilador de três velocidades;

Ar – quente;

Ar – quente;

Ar – condicionado;

Acendedor de cigarros, e cinzeiro embutidos no painel;

Rádio AM/FM CD Player com tojo;

Relógio digital;

Bancos Recaro em fino tecido aveludado;

Regulagem de altura no banco do motorista;

Acabamento das portas em vinil e detalhes aveludados;

Desembaçador do vidro traseiro;

Assoalho e porta – malas acarpetados.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Ficha Técnica

Motor VW AP 2.0i segunda geração.

Injeção Multiponto.

Direção Hidráulica.

Câmbio manual de 5 marchas.

Freios disco ventilados nas rodas dianteiras e disco sólido nas traseiras.

Peso 1120 KG.

Potência 116 CV.

De 0 a 100 – 11,0 Segundos.

Velocidade máxima 187 KM/h.

Consumo Cidade 8,1 KM/L Estrada 13,3 KM/L.

Porta malas 650 Litros.

Carga útil 325 KG.

Tanque de combustível 64 Litros.

Preço atualizado aproximado. R$ 78.931,00.

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Imagens Século 20 Veículos antigos.

Motor Tudo – Ford Escort XR3 2.0i 1995.

Carros dos anos 90 – Carros clássicos brasileiros.


3 comentários em “Ford Escort XR3 2.0i 1995 O Esportivo nacional mais confortável”

  1. Os carros AUTOLATINA / FORD, equipados com o motor AP-2000, traziam neste propulsor um comando de válvulas aprimorado, peça PN 027 109 101 7, que proporcionava maior potência, 4 CV a mais:
    AP-2000 AUTOLATINA / FORD (carros fabricados pela FORD) > 116 CV.
    AP-2000 AUTOLATINA / VW (carros fabricados pela VW) > 112 CV.
    Quem fabricava o que?
    Apollo (a), Logus (d), Pointer (d) > FORD.
    Versailles (a), Royale (a) > VW.
    A AUTOLATINA adaptou (a) e/ou desenvolveu (d) somente os cinco automóveis nomeados acima. O restante das suas atividades, envolvendo automóveis, consistiu unicamente do desastrado (DESASTRADO PARA A VW) intercâmbio de motores entre as duas empresas formadoras da joint venture.
    Tanto quanto eu sei, a joint venture introduziu apenas uma melhoria de projeto, qual seja, o referido comando, autêntica pièce de résistance da FORD naquele contexto, não compartilhada com a VW.
    Mas, alguém perguntaria, e os sistemas de injeção FIC (Ford Indústria e Comércio)? Ora bolas, eles eram precários. Em 1997, graças à dissolução da AUTOLATINA no ano anterior, os VW passaram a ser equipados com injeção MARELLI (Magneti Marelli), nitidamente superior à FIC.
    Quando eu escrevi meu comentário sobre o Logus, acabei me esquecendo de mencionar seu maldito motor-de-passo (válvula solenóide da marcha lenta), peça FIC, fonte interminável de dores de cabeça: via-de-regra, a marcha lenta do Logus oscilava entre 700 e 2000 RPM !!!
    . . . . .

Carros antigos

Fusca Oval, a geração CKD importada em parceria com a Brasmotor e a VW Gol GTS 87 o único ano com painel quadrado e um preço muito salgado Porsche 911 verde, o Carrera RS Clone 78, ganha motor 3.3, e novo sistema de alimentação Chevrolet Master 85, a geração JB de 1939 exportada para o Japão Vectra GSi, 2.0 16V SFi, alcançava 210 km/h e ainda fazia na cidade 10,6 km/l Fusca branco, capim e formiga é o que mais tem no Brasil, era um ditado da década de 1970 Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos