Volkswagen Voyage LS 1.6 1983 ganha um motor mais elástico.


Em 1983 o Voyage ganha o motor 1.6 MD-270 com 81 CV de força, mais rápido e mais confiável, se consolidando como líder absoluto entre os sedãs de pequeno porte.

O Voyage LS 1983 ganhou o mercado em cima do alto preço do Corcel II, Passat e Chevette.

O Corcel II mesmo sendo um carro coupé de médio porte, com um acabamento de primeira, tinha um preço mais salgado e uma motorização menos atualizada que a do Voyage.

O Passat era um dos carros nacionais mais completos de desejados da época, mas seu preço estava bem acima do Voyage.

O Chevette concorrente direto do pequeno sedã da montadora alemã, tinha uma estrutura bem menos atualizada e o preço de ambos era praticamente o mesmo nas concessionárias.

Mesmo com uma acabamento interno com poucos itens de conforto, o Voyage se destacava no preço em relação aos sitados acima, mecânica atualizada e de qualidade, desenho e estrutura moderna.

Entre os anos de 1982 e 1983 Del Rey e Voyage disputaram palmo a palmo o topo da tabela dos mais vendidos do Brasil.

Desempenho.

Com uma boa estrutura, o Voyage era um carro bom de curvas, pista molhada, motor elástico e resistente, fácil manutenção, com um câmbio curto de 4 marchas muito ágil na cidade e em retomadas, mas na estrada deixava um pouco a desejar, com o câmbio de 4 marchas o carro após 90 Km/h começava a pedir a quinta marcha, que não existia, e passava uma leve vibração desconfortável para dentro do carro, mas mesmo assim chegava fácil a 140 KM/h, com uma velocidade máxima que era próxima de 160 Km/h.

Acabamento Externo.

  • Faróis dianteiros embutidos com as setas.
  • Para-choques em lamina de aço cromados, com cantoneiras de plástico curtas, as da imagens são cantoneiras da linha 1984/85/86.
  • retrovisores panorãmicos, mas com controle manual externo.
  • Rodas de aço da linha GOL.
  • Calotas de plástico pretas ao centro da roda.
  • Lanternas traseiras bonitas, e muito eficientes.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.


Acabamento interno.

  • Painel quadrado herdado da falecida variant II, era o ponto fraco da linha BX.
  • Bancos em tecido aveludado.
  • Encosto de cabeça dianteiro com regulagem de altura.
  • Volante de dois raios tradicional da linha BX.
  • Vidros com acionamento manual.
  • Rádio VW AM/FM.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.


Ficha Técnica.

  • Motor VW MD-270 1.6.
  • 81 CV de força.
  • De 0 a 100 em 14 segundos.
  • Velocidade máxima 155 Km/h.
  • peso 891 KG.
  • Consumo Cidade 8,6 Km/L Estrada 12 Km/L.
  • Preço aproximado atualizado – R$ 55.876,00.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.


Motor Tudo – Volkswagen Voyage LS 1.6 1983.

Carros dos anos 80 – Carros Clássicos brasileiros.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta