fbpx
Pular para o conteúdo
Puma prata

Puma prata conversível 1979 ganha um público mais jovem

Compartilhe
CARROS ANTIGOS

Puma prata conversível 1979 ganha um público mais jovem, o modelo da matéria ainda mantém os emblemas, rodas, manopla e conjunto de instrumentos originais que saíram da concessionária.

A marca Puma até o segundo semestre de 2022, ocupava um posicionamento no mercado de carros clássicos, com preços bem comportados, no mesmo patamar a família VW 1600.

Os preços variavam entre R$ 35.000,00 e R$ 45.000,00. Mas com a grande procura pelo esportivo durante o ano de 2023, os preços deram uma boa alavancada. Hoje uma unidade pronta para fazer parte de um acervo, os preços ficam entre R$ 60.000,00 e R$ 85.000,00.

A grande questão da família Puma no mercado de colecionáveis, é que tem um público de meia idade que viveu as décadas de 1970 e 1980, apaixonados pelo modelo que fazem questão de ter hoje uma unidade em sua garagem.

Mas um efeito bastante curioso vem aparecendo nos dois últimos anos, jovens com idades entre 25 anos e 35 anos que não viveram a época de ouro dos foras de série no Brasil, tem procurado cada vez mais o modelo para dar o famoso rolezinho de fim de semana.

A configuração Puma prata conversível 1979, além de outros modelos fora de série, que tinham apenas um nicho de mercado os colecionadores com idade acima dos 45 anos. Passou a ganhar mais um nicho, e um novo posicionamento.

O carro se tornou sinônimo de glamour e elegância. No mês de setembro de 2023 estive em um grande supermercado na cidade de Santos litoral paulista, e próximo ao estacionamento ouvi um ronco característico de um escapamento kadron.

Puma prata

Ao olhar para o lado havia um Puma conversível em uma linda cor metálica, sendo dirigido por uma garota que tinha aproximadamente 20 anos de idade, e todos em volta pararam para olhar o carro.

Me aproximei do carro e não resisti e perguntei para a garota: Você mesma que comprou este carro? Ela me respondeu: Não, eu pedi de presente para o meu pai no meu último aniversário.

Ficha Técnica – Puma prata – Versão GTS – Ano 1979

Carroceria – conversível; Porte – Compacto; Portas – 2; Motor –  VW Boxer 1600; Cilindros – 4 opostos horizontalmente; Válvulas por cilindro – 2; Posição – Longitudinal; Combustível – Gasolina; Potência – 70 cv.

Peso Torque – 63,8 kg/kgfm; Cilindrada – 1584 cm³; Torque máximo – 12,3 kgfm a 3000 rpm; Potência Máxima – 4700 rpm; Tração – Traseira; Alimentação –  Carburador; Direção – Simples; Câmbio – Manual de 4 velocidades com alavanca no assoalho; Embreagem – Monodisco a seco.

Freios – Freio a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras; Peso – 730 kg; Suspensão dianteira – Independente, braço arrastado – Barra de torção; Suspensão traseira – Independente, semi-eixo oscilante – Barra de torção; Comprimento – 4000 mm.

Distância entre-eixos – 2150 mm; Largura – 1665 mm; Altura – 1200 mm; Aceleração de 0 a 100 – 16,7 Segundos; Velocidade máxima – 158 km/h; Consumo: Cidade 11 km/l – Estrada 13 km/l; Autonomia: Cidade 451 km – Estrada 533 km.

Vídeo Ford Corcel 4 portas vinho

Porta malas – 50 Litros; Carga útil – Não informado; Tanque de combustível – 41 Litros; Valor atualizado Aproximado – R$ 245.725,00; Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Puma prata
Puma prata

Carros antigos

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos