Ford Pampa GL 1.8 1991 A Picape Compacta Da Zonal Rural

Carros dos anos 90 Ford Ford Pampa Picapes

Com uma traseira mais alta, utilizando feixes de mola, ela foi o utilitário compacto mais eficiente na zona rural nas décadas de 1980 e 1990

A batalha das picapes compactas, foi responsável por movimentar uma fatia bastante significativa do mercado nacional durante as duas décadas, o Ford Pampa 1.8 1991, se destacava pela suspensão mais alta e eficiente, aliado ao motor AP 1.8, que deixava o carro com mais fôlego e bem mais estável em giros mais alto.

1991 foi o auge da Autolatina, a parceria FordWagen, nasceu em 1989 e faleceu em janeiro de 1996, por questões contratuais, os modelos Ford, equipados com motor VW AP, tinham sua potência reduzida em relação aos irmãos bastardos VW, os modelos Pampa de 1994 a 1996, tinham apenas 95 CV de força com os motores AP 1.8, mas a versão de GL e L de 1991, vinham com incríveis 105 CV de força, a versão “S” no mesmo ano, vinha com 110 CV de força.

O mercado das picapes compactas era dividido em dois nichos comerciais, VW Saveiro e Fiat Estrada / Fiorino, eram as picapes para o asfalto e cidades grandes, os modelos Chevrolet Chevy 500 e Ford Pampa tinham um foco para zona rural e cidades do interior com ruas de paralelepípedos, com muitas ladeiras.

Desempenho

O motor AP, entregava bons 105 CV, mas na prática, a potência não correspondia, esperava -se mais para um veículo leve, atingindo velocidade final de 157 KM/h, mas compensava na robustez, ao carregar peso.

O Câmbio 5 marchas, era de engates precisos e macio, mesmo após anos de uso, dificilmente um proprietário precisa fazer manutenção corretiva.

A suspensão também era um diferencial, equipada com feixes de mola, era ideal para estadas sem asfalto, e para carregar peso.

O ponto negativo ficava para o veículo vazio na estrada, a traseira muito leve, provocava o efeito flutuante, era bom o motorista ficar atento em curvas de alta.

Acabamento Externo

Frente com faróis chanfrados, embutidos em um mesmo conjunto com as setas;

Grade de ar com três lâminas na horizontal na cor grafite;

Logo Ford na grade de ar;

Para – choque dianteiro de aço carbono cor grafite;

Para Choque traseiro, bi-partido, em aço carbono tubular;

Retrovisor satélite com ajuste manual;

Rodas de aço exclusivas Pampa 175/70 R13;

Maçanetas pretas;

Lanternas raseiras, tricolor vertical;

Carroceria com santo Antônio;

Logo “Pampa 1.8 GL” na tampa da carroceria.

Acabamento Interno

Painel com mostradores básicos, com luz azul, bonito e muito eficiente;

Volante espumado de dois raios;

Acabamento das portas em vinil;

Relógio digital no teto;

Luz de segurança nos rodapés das portas;

Acendedor de cigarros;

Cinzeiro embutido no painel;

Acionamento dos vidros manual basculante;

Alavanca de acionamento do freio estacionário no assoalho;

Assoalho acarpetado;

Banco sem divisão com acabamento em tecido plástico;

Sem encosto de cabeça.

Ficha Técnica – Ford Pampa 1.8 1991

Carroceria Picape;

Porte Compacto;

2 portas;

Motor AP 1.8;

Cilindros 4 em linha;

Longitudinal;

Tuchos mecânicos;

Tração dianteira;

Combustível Álcool;

Carburador;

Direção Simples;

Câmbio manual de 5 marchas;

Embreagem monodisco a seco;

Freios a disco ventilado nas rodas dianteiras e tambor nas rodas  traseiras;

Peso 1035 KG;

Potência 105 CV;

15,6 kgfm a 2600 rpm

Potência Máxima 5600 RPM;

De 0 a 100 – 13,1 Segundos;

Velocidade máxima 157 KM/h;

Consumo na Cidade 7 KM/L – Estrada 10 KM/L;

Porta malas 840 Litros;

Carga útil 530 KG;

Tanque de combustível 74 litros;

Motor Tudo – Ford Pampa 1.8 1991

Carros Clássicos Brasil – Ford Pampa

Ford Pampa GL 1.8 1991 A Picape Compacta Da Zonal Rural
5 (100%) 1 vote[s]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *