Cornowagen, o Fusca ganha teto solar, e um apelido que matou a ideia

Cornowagen
Compartilhe

O Cornowagen, foi uma versão do VW Sedan “Fusca”, que ganhou teto solar, a ideia agradou logo de cara os fãs da montadora alemã, principalmente para quem vivia em regiões mais quentes, como Rio de Janeiro, alguns estados do Nordeste e litoral paulista.

Ao chegar em uma concessionária Volkswagen, e ver um Fusca com teto solar era simplesmente fantástico. O preço, logico bem mais salgado que as versões convencionais, mas nos primeiros meses, as vendas decolaram, era bastante comum unidades zero km com teto solar desfilando pelas ruas. Mas como o brasileiro é muito criativo, logo arrumou um apelido para a novidade do VW Sedan, o “Cornowagen”.

Reza a lenda que, no início da década de 1960, os proprietários de VW sedan com teto solar, cujo suas respectivas esposas não eram tão fiéis aos votos matrimoniais, cresciam galhos na cabeças de seus maridos, os mesmos para poderem dirigir um automóvel, somente comprando um Cornowagen, onde seus gravetos poderiam ficar para fora da carroceria, dando o devido conforto ao motorista.

A brincadeira pegou, o apelido mais ainda, e o projeto que nasceu em 1964, após poucos meses de vendas em alta, acabou encalhando nas concessionárias. Em 1965 a Volkswagen passa a disponibilizar somente sob encomenda, até que no final do mesmo ano retira o teto solar do catálogo do VW sedan. Algumas poucas unidades ainda foram produzidas em 1966.

Mas no final de 1960 e início da década de 1970, quando o apelido já havia caído no esquecimento da massa, empresas passaram a realizarem adaptações em Volkswagen sedan novos e usados, como as empresas, Santilli e Envemo de São Paulo.

Cornowagen

A unidade da nossa matéria é um Cornowagen, ou VW Sedan com teto solar do ano de 1966, equipado com o motor 1200 de 12 volts, entregando 36 cv, torque máximo de 8,7 kgfm a 2800 rpm, velocidade final real de 95 km/h, aceleração de 0 a 100 N/D. Quanto ao consumo na cidade fazia 9 km/l e na estrada 13 km/l.

Acabamento Externo

Faróis –  Redondos, de lentes boleadas, embutidos em uma moldura cromada.

Setas dianteiras – Acima dos para – lamas;

Para – choques –  Cromados, estilo cabides;

Faróis de neblina – Não;

Grade de ar do motor – Frisada abaixo do vidro traseiro;

Retrovisores Externos – Cromado estilo bracinho;

Frisos – Cromados em toda a extensão do carro;

Rodas – Rodas de aço tradicionais da família VW, com lindas calotas cônicas cromadas;

Maçanetas – Cromadas;

Logo – “Brasão” no capô dianteiro;

Lanterna Traseira – Em cor única sem luz de ré;

Bagageiro – Não;

Teto Solar – Sim;

Limpador do vidro traseiro – Não;

Cornowagen

Acabamento Interno e Instrumentos

Painel – Com mostradores básicos em escala circular, embutidos em uma moldura cromada;

Conta – giros – Não;

Acabamento do painel – Em metal na cor da carroceria, com friso metálico ao centro;

Volante – De dois raios, com meia lua cromada para acionamento de buzina, e o brasão Wolfsburg ao centro;

Sistema de som – Sim;

Ventilador – Não;

Ar – condicionado – Não;

Ar –  quente – Não;

Luz de leitura – Não;

Relógio – Não;

Acendedor de cigarros – Sim;

Cinzeiro – Sim;

Acionamento dos vidros – Manual basculante;

Sistema de travamento das portas – Mecânico;

Ajuste dos retrovisores externos – Manual;

Acabamento dos bancos – Em courvin;

Acabamento das portas – Em courvin;

Luz de Sinalização no rodapé das portas – Não;

Banco traseiro – Sem acessórios;

Encosto de cabeça – Não;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Não;

Assoalho – Emborrachado;

Porta-malas – Emborrachado;

Ficha Técnica – Cornowagen – Volkswagen Fusca 1966 – 1200

Carroceria – Sedã;

Porte – Compacto;

Portas – 2;

Motor – VW Boxer 1200;

Cilindros – 4 Opostos na horizontal;

Válvulas por cilindro – 2;

Posição – Longitudinal;

Tuchos – Mecânicos;

Tração – Traseira;

Combustível – Gasolina;

Alimentação –  Carburador;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 4 velocidades, alavanca no assoalho;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a tambor nas quatro rodas;

Peso – 780 kg;

Comprimento – 4070 mm;

Distância entre-eixos – 2400 mm;

Potência – 36 cv;

Cilindrada – 1192 cm³;

Torque máximo – 8,7 kgfm a 2800 rpm;

Potência Máxima – 4600 rpm;

Aceleração de 0 a 100 – N/D;

Velocidade máxima – 95 km/h;

Consumo: Cidade 9 KM/L – Estrada 13 km/l;

Autonomia: Cidade 293 km – Estrada 490 km;

Porta malas – 141 Litros;

Carga útil – 380 kg;

Tanque de combustível – 41 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 78.798,00.

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Deixe um comentário