fbpx
Pular para o conteúdo

Chevette hatch 1.4 1982 a melhor opção

Compartilhe


Em 1982 se você quisesse comprar um Hatch de pequeno porte, você tinha quatro opções, Fiat 147, GOL refrigerado a ar, a já ultrapassada Brasilia e o Chevette Hatch. 

Em 1982 o Chevette ainda era considerado um carro com uma estrutura atualizada, a versão hatch era boa de curvas, uma mecânica resistente e com um acabamento interno que dispensa comentários.

Sem dúvida o Chevette hatch, era a melhor opção de compra no seguimento dos pequeno Hatchs, custava um pouco mais caro que o GOL, e tinha uma manutenção também mais cara, mas a relação custo benefício valia a pena.

Em relação ao GOL, o Chevette tinha uma mecânica mais aceitável, nível de ruido mais baixo, tanto na estrada como na cidade, e um desempenho melhor, o GOL que ainda era refrigerado a ar, também perdia para o Chevette hatch na relação luxo e conforto.

O VW Brasilia já estava se despedindo do mercado, e o Fiat 147 ainda não havia caindo na graça dos brasileiros, então a melhor opção sem a menor sombra de dúvidas era o Chevette hatch.

Uma característica que fazia com que toda a família Chevette se destacasse, era a qualidade da caixa de direção, a Chevrolet utilizava uma tecnologia que permitia uma precisão e uma macies no volante muito grande, mesmo sem sistema hidráulico.

Acabamento Externo.

  • Rodas de aço, com faixa de aro externa cromada.
  • Para-choques em lâminas de aço cromadas.
  • faróis embutidos entre o capô e o para-lamas.
  • Setas abaixo do para-choque dianteiro, mal posicionadas e pouco eficientes.
  • Logo Chevette o capô dianteiro.
  • Retrovisores simples com controle manual.
  • Lanternas traseiras bonitas e muito eficientes.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.


Acabamento interno.

  • Volante de 4 raios, macio e preciso.
  • Painel bonito e eficiente.
  • Mostradores redondos, velocímetro, nível de gasolina e temperatura do motor.
  • Acabamento dos bancos em tecido aveludado.
  • Encosto de cabeça embutido nos bancos.
  • Acabamento das portas em vinil.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.


Ficha Técnica.

  • Motor Chevrolet 1.4.
  • 69 CV de Força.
  • Peso 904 KG.
  • De 0 a 100 em 17 segundos.
  • Velocidade máxima 150 KM/h.
  • Consumo Cidade 9,3 Km/L Estrada 14,6 KM/L.
  • Preço aproximado atualizado – R$ 45.690,00.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.

Imagens Século 20 antigos – Veículos.


Motor Tudo – Chevette hatch 1.4 1982.

Carros dos anos 80 – Carros Clássicos Brasil. 

2 comentários em “Chevette hatch 1.4 1982 a melhor opção”

Carros antigos

Fusca Oval, a geração CKD importada em parceria com a Brasmotor e a VW Gol GTS 87 o único ano com painel quadrado e um preço muito salgado Porsche 911 verde, o Carrera RS Clone 78, ganha motor 3.3, e novo sistema de alimentação Chevrolet Master 85, a geração JB de 1939 exportada para o Japão Vectra GSi, 2.0 16V SFi, alcançava 210 km/h e ainda fazia na cidade 10,6 km/l Fusca branco, capim e formiga é o que mais tem no Brasil, era um ditado da década de 1970 Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos