fbpx
Pular para o conteúdo

Caravan SS 4 1978 lançamento da versão esportiva e quase nasce a carroceria 4 portas

Caravan SS 4
Compartilhe

Caravan SS 4 1978 lançamento da versão esportiva e quase nasce a carroceria 4 portas. Com o sucesso do irmão cupê SS4 e SS6, a montadora coloca no mercado seu SW na opção esportiva, oferecendo as mesas configurações de motores da família Opala.

O SW esportivo da Chevrolet foi produzido entre 1978 e 1980, raras unidades formam comercializadas, o motivo era o elevado custo da unidade zero km, um Opala SS6 em média custava em valores atualizados algo próximo dos R$ 450.000,00, já o Chevrolet Caravan SS alcançava valores entre R$ 450.000,00 e R$ 500.000,00.

O Chevrolet Caravan SS 4 1978 vinha equipado com o motor 2.5 de 4 cilindros 151-S, entregando 98 cv com torque máximo de 19,8 kgfm a 2600 rpm, velocidade final de 150 km/h e aceleração de 0 a 100 em 17 segundos. Bons números para um utilitário família de luxo para a época, mas a esportividade ficava mesmo por conta dos adereços.

Ainda em 1978 quando iniciou o projeto para o lançamento do Opala Diplomata que acabou sendo lançado apenas no ano de 1980. A marca também iniciou uma pesquisa de mercado para lançar o Chevrolet Caravan Diplomata, esse só chegaria ao mercado em 1985. Porém o mais curioso foi o projeto da Caravan 4 portas.

O Chevrolet Caravan 4 portas seria lançado na versão Diplomata em 1980, simultaneamente com as carrocerias sedan e cupê. Mas analisando o alto custo do SW Caravan SS, a montadora entendeu que uma versão 4 portas Diplomata em 1980, teria um custo muito elevado, e as vendas poderiam ser um fracasso.

Mas para quem sonhava com o Chevrolet Caravan 4 portas, havia uma solução. A fora de série Sulam transformadora de veículos, chegou a desenvolver uma carroceria 4 portas, em pareceria com algumas concessionárias. E confirmando o que a montadora já projetava, poucas unidades foram vendidas em virtude do alto custo.

O exemplar da nossa matéria, passou por um processo de restauração classe “A”, é um veículo utilizado para concursos de carros clássicos, durante o processo de restauração recebeu o motor 4.1 de 6 cilindros, e como acessório rodas magnum 500 com pneus BF. Mas ainda possui uma alta porcentagem de originalidade, no que se refere a equipamentos como faróis, lanternas, painel e acabamento.

Caravan SS 4

Ficha Técnica – Caravan SS 4 – Números com o motor 2.5

Carroceria – Chevrolet SW; Porte – Grande; Portas – 2; Motor –  2.5 Cód 151-s; Cilindros – 4 em linha; Válvulas por cilindro – 2; Posição – Longitudinal; Combustível – Gasolina; Potência – 98 cv; Peso Torque – 57,9 kg/kgfm; Cilindrada – 2474 cm³.

Torque máximo – 19,8 kgfm a 2600 rpm; Potência Máxima – 4500 rpm; Tração – Traseira; Alimentação –  Carburador; Direção – Simples; Câmbio – Manual de 4 velocidades, com alavanca no assoalho; Embreagem – Monodisco a seco; Freios – Freio a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras.

Peso – 1146 kg; Suspensão dianteira – Independente, Braços sobrepostos – Mola helicoidal; Suspensão traseira – Eixo rígido – Mola helicoidal; Comprimento – 4631 mm; Distância entre-eixos – 2667 mm; Largura – 1758 mm; Altura – 1384 mm.

Aceleração de 0 a 100 – 17 Segundos; Velocidade máxima – 155 km/h; Consumo: Cidade 8 km/l – Estrada 11 km/l; Autonomia: Cidade 432 km – Estrada 594 km; Porta malas – 774 Litros; Carga útil – Não informado.

Tanque de combustível – 54 Litros; Valor atualizado Aproximado –  R$ 450.000,00 – preço pessoa física; Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Caravan SS 4
Caravan SS 4

Carros antigos

Fusca Oval, a geração CKD importada em parceria com a Brasmotor e a VW Gol GTS 87 o único ano com painel quadrado e um preço muito salgado Porsche 911 verde, o Carrera RS Clone 78, ganha motor 3.3, e novo sistema de alimentação Chevrolet Master 85, a geração JB de 1939 exportada para o Japão Vectra GSi, 2.0 16V SFi, alcançava 210 km/h e ainda fazia na cidade 10,6 km/l Fusca branco, capim e formiga é o que mais tem no Brasil, era um ditado da década de 1970 Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos