fbpx
Pular para o conteúdo

Bugre o fora de série mimo dos filhinhos de papai na década de 1970

Bugre
Compartilhe

Bugre o fora de série que durante as décadas de 1960, 1970 e início dos anos 1980, foi economicamente um polivalente. No mercado dos zero km, atendia um nicho bastante interessante os dos filhinhos de papai.

Anúncio

Já no mercado de seminovos e usados era o preferido dos marmanjões sem grana no bolso, e que precisavam de uma caranga barata e de manutenção descomplicada. A configuração Buggy é o termo correto para o veículo.

O termo Bugre é um nome dado a um determinado segmento indígena, porém acabou sendo utilizado por empresas fora de série na produção de veículos entre 1970 e 1985. Mas o termo correto dado a configuração do veículo com perfil aventureiro é Buggy.

O exemplar da matéria é a marca Bugre na versão Baby de 1975. Como se trata de um fora de série o veículo zero km, tinha um preço bastante salgado, um unidade custava em média o mesmo que um compacto como o VW Brasília, R$ 108.897.00 em valores atualizados.

Anúncio

Mas o grande problema era a impressionante desvalorização do veículo, por ser tratar de uma configuração Buggy, após três anos de uso o valor no mercado dos seminovos e usados, era em média 70% a menos que a unidade zero km. VÍDEO E FOTOS ABAIXO.

Bugre

Hoje no segmento de carros antigos, faz parte do grupo de custo mais comportado, com valores que podem variar entre R$ 25.000,00 e R$ 45.000,00. A oscilação de preço, depende muito do fabricante e das condições do veículo.

Ficha Técnica – Bugre – Baby 1600 – Ano 1975

Carroceria – Buggy;

Porte – Compacto;

Portas – 2;

Motor –  Boxer 1600;

Cilindros – 4 opostos horizontalmente;

Posição – Longitudinal;

Combustível – Gasolina;

Potência – 58 cv;

Peso Torque – 100 kg/kgfm;

Cilindrada – 1584 cm³;

Torque máximo – 13 kgfm a 2600 rpm;

Potência Máxima – 4400 rpm;

Tração – Traseira;

Alimentação –  Carburador;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 4 velocidades com alavanca no assoalho;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a tambor nas 4 rodas;

Peso – 1100 kg;

Suspensão dianteira – Independente, braço arrastado – Barra de torção;

Suspensão traseira – Independente, braço semi-arrastado – Barra de torção;

Comprimento – 3997 mm;

Distância entre-eixos – 2000 mm;

Largura – N/D mm;

Altura – 1912 mm;

Aceleração de 0 a 100 – 20 Segundos;

Velocidade máxima – 121 km/h;

Consumo: Cidade 6 km/l – Estrada 7,5 km/l;

Autonomia: Cidade 262 km – Estrada 327 km;

Porta malas – N/D Litros;

Carga útil – N/D kg;

Tanque de combustível – 43 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 108.897.00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

Bugre
Imagens miguelveiculosjf.com.br

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Bugre
Bugre

Carros antigos

Abrir bate-papo
Olá 👋
Seja bem vindo

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos