Audi RS4 2001, o SW de 380 cv, tudo aquilo que o Santana Quantum sempre sonhou ser

Compartilhe

O Audi RS4 2001 da nossa matéria, é o modelo Avant, denominação do segmento Variant da família A4, um SW de alta performance, posicionado na Europa e Estados Unidos como um compacto, no Brasil um modelo de médio porte. Posicionado acima do VW Variant, porém com dimensões menores e uma distância entre eixos mais curta que o irmão VW.

O projeto foi desenvolvido pela Audi Sport GmbH para a AUDI AG, uma divisão do Grupo Volkswagen, um SW de alta performance, com velocidade final real de 250 km/h limitada pela montadora, e aceleração de 0 a 100 em incríveis 4,9 segundos e utiliza exclusivamente o sistema de tração integral permanente com tecnologia “Audi Quattro”.

Para os brasileiros amantes do grupo Audi/Volkswagen, principalmente aqueles que tem um grande carinho pelo nosso Santana Quantum, que na década de 1990, parou no tempo sem um upgrade significativo. Costumam dizer ao ver um Passat Varaint ou um Audi Perua, como o Audi RS4 2001 da nossa matéria, que era tudo que o nosso Santana Quantum sempre quis ser.

O exemplar da nossa matéria vem equipado, com o motor 2.7 V6 de Turbo de 380 cv, torque máximo de 44,9 kfgm a 2500 rpm, com velocidade final real de 250 km/h e aceleração de 0 a 100 em 4,9 segundos + Controle de tração e estabilidade. Quanto ao consumo, na cidade 4,6 km/l e na estrada 8 km/l.

Desempenho

Estabilidade –  A estrutura do Audi RS 4 Avant, foi muito bem desenvolvida, aliado a uma suspensão rígida + controle de tração e estabilidade, o carro era bastante estável e ao mesmo macio e confortável.

Motor –  Utilizando o motor 2.7 6V turbo, entregava 380 cv, com velocidade final real de 250 km/h.

Câmbio –  O câmbio manual de 6 Velocidades, além de ser confiável e eficiente, era elástico e exigia pouca manutenção.

Retomadas e ultrapassagens – Com um conjunto motor e câmbio muito saudável e eficiente, que respondia muito bem ao pedal do acelerador, era um dos melhores do mercado.

Consumo –  Para um motor de 6 cilindros Turbo a gasolina de um carro de médio porte, fazer 4,6 km/l na cidade, era considerado dentro dos padrões para época.

Acabamento Externo

Faróis – Trapezoidais de lentes planas;

Setas dianteiras – Embutidas no mesmo conjunto dos faróis;

Para – choques –  Envolventes na cor carro;

Faróis de neblina – Sim;

Grade de ar do motor – Estilo colmeia e logo Audi ao centro;

Retrovisores Externos – Panorâmicos, com ajuste elétrico;

Frisos – Não;

Rodas – Rodas de liga-leve Aro 20″;

Maçanetas – Embutidas;

Logo – “RS4” Na tampa do porta – malas;

Lanterna Traseira – Tricolor com luz de ré;

Bagageiro – Sim;

Teto Solar – Sim;

Limpador do vidro traseiro – Sim;

Acabamento interno e Instrumentos

Painel – Com diversos mostradores em escala circular + computador de bordo;

Conta – giros – Sim;

Acabamento do painel – Em vinil;

Volante – Espumado de 3 raios, com acabamento em couro;

Sistema de som – Sim;

Ventilador – Sim;

Ar – condicionado – Sim, digital;

Ar –  quente – Sim;

Luz de leitura – Sim;

Relógio – Sim;

Acendedor de cigarros – Sim;

Cinzeiro – Sim;

Acionamento dos vidros – Elétrico;

Sistema de travamento das portas – Elétrico central;

Ajuste dos retrovisores externos – Interno Elétrico;

Acabamento dos bancos – Couro

Acabamento das portas – Em couro e vinil;

Luz de Sinalização no rodapé das portas – Não;

Banco traseiro – Apoio de cabeça e sinto de segurança de três pontos para três passageiros + apoio para o braço;

Encosto de cabeça – Para cinco passageiros, com regulagem de altura;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Sim;

Assoalho – Acarpetado;

Porta-malas – Acarpetado;

Ficha Técnica – Audi RS4 2001 – Avant

Carroceria – Audi SW;

Porte – Médio;

Portas – 4;

Motor – 2.7;

Cilindros – 6 em V;

Válvulas por cilindro – 5;

Posição – Longitudinal;

Combustível – Gasolina;

Potência – 380 cv;

Peso Torque – 36,1 kg/kgfm;

Cilindrada – 2671 cm³;

Torque máximo – 44,9 kgfm a 2500 rpm;

Potência Máxima – 6100 rpm;

Tração – Integral permanente ;

Alimentação –  Injeção multiponto;

Direção – Hidráulica;

Câmbio – manual 6 marchas;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – ABS – Disco ventilado nas rodas dianteiras e disco sólido nas rodas traseiras;

Peso – 1620 kg;

Suspensão dianteira – Independente, braços sobrepostos – Mola helicoidal;

Suspensão traseira – Independente, braços sobrepostos – Mola helicoidal;

Comprimento – 4525 mm;

Distância entre-eixos – 2607 mm;

Largura – 1799 mm;

Altura – 1386 mm;

Aceleração de 0 a 100 – 4,9 Segundos;

Velocidade máxima – 250 km/h;

Consumo: Cidade 4,6 km/l – Estrada 8 km/l;

Autonomia: Cidade 285 km – Estrada 496 km;

Porta malas – 390 litros;

Carga útil – Não informado;

Tanque de combustível – 62 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 678.990,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos brasileiros.

Deixe um comentário