fbpx
Pular para o conteúdo

SP2 antigo e os 3 projetos desenvolvidos no recém criado estúdio da Volkswagen

SP2 antigo
Compartilhe

SP2 antigo e os 3 projetos desenvolvidos no recém criado estúdio da Volkswagen em São Bernardo do Campo SP, por engenheiros brasileiros, durante a década de 1970. Mas ele não foi o único, Volkswagen Brasília em 1973 e o Volkswagen Variant II.

Engenheiros brasileiros já haviam desenvolvido projetos exclusivos para o Brasil no final da década de 1960, o melhor exemplo foi o VW TL, mas era um projeto parcialmente pronto um derivado do VW Variant I, que recebeu apenas novo desenho na carroceria.

Em 1971 com o recém criado estúdio de engenharia e desenvolvimento de projetos na fábrica de São Bernardo do Campo. A ideia inicial era criar um esportivo exclusivo para o mercado brasileiro, que conseguisse superar o desempenho dos badalados fora de série Puma, que utilizavam a plataforma Volkswagen 1500 e 1600.

Mas como todos sabem, o primeiro desenho a sair do forno, o projeto “X”, naufragou. Utilizando plataforma do VW 1600 Variant com eixo dianteiro do VW Fusca, equipado com o motor Boxer 1600 do VW Variant, alcançava velocidade final real de 149 km/h.

O SP1 ou projeto “X”, foi facilmente derrotado pelo valente Puma GT 1600, que pesava 190 kg a menos, com um sistema de alimentação diferenciado que gerava 70 cv de força, e ainda tinha uma distância entre eixos menor, 250 mm a menos que o esportivo Volkswagen.

Os engenheiros da montadora alemã aqui no Brasil, voltam para a prancheta, e desenvolvem um motor mais robusto e mais ágil com um câmbio único, bem mais elástico que os tradicionais câmbio dos modelos Boxer 1600. O novo conjunto propulsor foi denominado BL Boxer 1700, tornando o SP2 como o esportivo com um desempenho no mesmo nível do poderoso fora de série Puma.

Mas a história do projeto “X” no famoso estúdio de criação da Volkswagen de São Bernardo do Campo, não parou por ai. Entre os anos de 1971 e 1972, o presidente da Volkswagen do Brasil Rudolph Leiding, encomenda com seus engenheiros a criação de um novo projeto. E em 1973 nasce o Volkswagen Brasília nas mesma pranchetas e estúdio do SP2.

Já no final da década de 1970, nasce mais um projeto dos estúdio de criação da Volkswagen de São Bernardo do Campo, o Volkswagen Variant II, utilizando o mesmo conceito de suspensão do VW Passat e com peças e muitos adereços do VW Brasília.

Ainda tivemos o projeto BX o VW Gol, mas este foi desenvolvido na unidade da Volkswagen no bairro paulistano de Vila Carioca, que tinha como base a primeira geração do Polo alemão. Alguns dizem que nasceu para substituir o Fusca, mas acabou mantando o VW Brasília.

O SP2 antigo, o simplesmente SP2, acabou se tornando um ícone da indústria brasileira, não apenas por ter sido o primeiro projeto da montadora desenvolvido no Brasil, mas pelo seu desempenho, visual e pela qualidade e requinte de seu acabamento interno.

SP2 antigo

Ficha Técnica – SP2 – Ano 1976

Carroceria – Cupê; Porte – Compacto; Portas – 2; Motor –  VW Boxer 1.7 refrigerado a ar; Cilindros – 4 opostos horizontalmente; Posição – Longitudinal; Combustível – Gasolina; Potência – 75 cv.

Peso Torque – 68,46 kg/kgfm; Cilindrada – 1678 cm³; Torque máximo – 13 kgfm a 3400 rpm; Potência Máxima – 5000 rpm; Tração – Traseira; Alimentação –  Carburador; Direção – Simples; Câmbio – Manual de 4 velocidades alongado com alavanca no assoalho.

Embreagem – Monodisco a seco; Freios – Freio a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras; Peso – 890 kg; Suspensão dianteira – Independente, braço arrastado – Barra de torção; Suspensão traseira – Independente semi eixo-oscilante – Barra de torção.

Comprimento – 4212 mm; Distância entre-eixos – 2400 mm; Largura – 1610 mm; Altura – 1158 mm; Aceleração de 0 a 100 – 17,4 Segundos; Velocidade máxima – 161 km/h; Consumo: Cidade 6,9 km/l – Estrada 10,9 km/l.

Autonomia: Cidade 276 km – Estrada 436 km; Porta malas – 141 Litros; Carga útil – 245 kg; Tanque de combustível – 40 Litros; Valor atualizado Aproximado – R$ 175.885,00; Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

SP2 antigo
SP2 antigo

Carros antigos

Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson Toyota Paseo, conheça o cupê compacto da montadora japonesa Corsa 99, a versão Super do popular mais confortável da década de 1990 Opala 6 caneco, a versão standard de 1979 customizada Saveiro 96, o fim da bem sucedida geração quadrada se aproximava Chrysler Neon 2000, o início do fim, do médio de elite, hoje um raro colecionável Vectra 97, nunca restaurado, a versão CD 16V, com teto solar e câmbio automático Detomaso, um colecionável italiano com motor Ford Racing 5.8 V8 de 330 cv

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos