fbpx
Pular para o conteúdo

Opala Stock Car réplica de uma das primeiras unidades a irem para as pistas

Compartilhe

Opala Stock Car, réplica de uma das primeiras unidades a irem para as pistas, uma homenagem ao piloto de caminhões e utilitários de competição Aristides Bertuol, das décadas de 1930, 1940 e 1950, após se aposentar, o profissional retornou às pistas com um Opala, acreditasse que pilotou um dos primeiros Opalas Stock do país.

Anúncio

O Opel Rekord devidamente adaptado para a realidade do Brasil, e rebatizado por aqui como projeto 676, denominado Chevrolet Opala. O modelo caiu como uma luva no segmento de competição de carros, que até 1968, eram utilizados nas pistas brasileiras exemplares norte americanos e modelos vindos de alguns países europeus, como Ford, Chevrolet Coupé e sedans.

O Opala na configuração 6 cilindros 3800, inicialmente na carroceria sedan 4 portas e posteriormente com a carroceria coupé, acabou se consolidando, era o carro ideal para competições no Brasil, equilibrado e fácil de receber atualizações e adaptações no conjunto propulsor suspensão e freios.

Ainda no início da década de 1970, as provas de competições no Brasil, eram realizadas entre Opalas, Dodge V8, e ainda com alguns modelos importados. Mas entre os anos de 1977 e 1979 quando a Chevrolet viu uma grande oportunidades de divulgar produtos e serviços.

Anúncio

Nasce a competição Opala Stock Car, uma categoria monomarca, que fez muito sucesso até o final da década de 1980, quando a montadora anunciou o fim do projeto 676 para o ano de 1992.

Posteriormente nasce o projeto monobloco, criado pela própria montadora, como veículos produzidos exclusivamente para as equipes. Posteriormente diferentes montadoras entraram na competição.

O exemplar da nossa matéria como já citado, é um Opala Stock Car um réplica produzida pela família do piloto, com adereções fazendo referência a Aristides Bertuol, um modelo na carroceria sedan 4 portas de 1970.

Equipado com o motor 3800 de 6 cilindros de 125 cv, torque máximo de 26,2 kgfm a 2400 rpm, velocidade final real de 170 km/h e aceleração de 0 a 100 em 14 segundos. Quanto aoi consumo na cidade fazia uma média de 6 km/l e na estrada 8 km/l.

Acabamento Externo

Faróis – Redondos, de lentes boleadas, setas dianteiras embutidas abaixo do para choque;

Para – choques –  Em aço carbono cromado;

Grade de ar do motor – Com frisos na horizontal, cromados e o logo “Chevrolet” posicionado do lado esquerdo;

Retrovisores – Redondo metálico;

Frisos – Cromados no rodapé em toda a extensão do carro;

Rodas – Rodas de aço tradicionais da família Opala;

Maçanetas – Cromadas;

Logo – Nos para – lamas dianteiros “3800 Chevrolet”;

Lanterna Traseira – Em cor única com luz de ré abaixo do para-choque;

Bagageiro – Não;

Teto Solar – Não;

Limpador do vidro traseiro – Não;

Acabamento Interno e Instrumentos

Painel – Com mostradores básicos em escala circular + instrumento para competição;

Acabamento do painel – Em vinil e metal;

Volante – Volante de plástico de dois raios;

Sistema de som – Opcional;

Ventilador – De três velocidades;

Ar – condicionado – Não;

Ar –  quente – Sim;

Luz de leitura – Não;

Relógio – Analógico;

Acendedor de cigarros – Sim;

Cinzeiro – Sim;

Acionamento dos vidros – Manual basculante;

Sistema de travamento das portas – Mecânico;

Ajuste dos retrovisores externos – Mecânico com botão interno;

Acabamento dos bancos – Em vinil;

Acabamento das portas – Em vinil;

Luz de Sinalização no rodapé das portas – Não;

Banco traseiro – Sem acessórios;

Encosto de cabeça – Não;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Não;

Assoalho – Em tecido feltro;

Porta-malas – Em tecido feltro;

Ficha Técnica – Opala Stock Car réplica – Opala 3800 sedan – Ano 1970

Carroceria – Sedã;

Porte – Grande;

Portas – 4;

Motor – Chevrolet 3800;

Cilindros – 6 em linha;

Posição – Longitudinal;

Tração – Traseira;

Combustível – Gasolina;

Alimentação –  Carburador;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 3 velocidades;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;

Peso – 1100 kg;

Comprimento – 4580 mm;

Distância entre-eixos – 2667 mm;

Potência – 125 cv;

Cilindrada – 3764 cm³;

Torque máximo – 26,2 kgfm a 2400 rpm;

Potência Máxima – 4000 RPM;

Aceleração de 0 a 100 – 14 Segundos;

Velocidade máxima – 170 km/h;

Consumo: Cidade 6 km/l – Estrada 8 km/l;

Autonomia: Cidade 324 km – Estrada 432 km;

Porta malas – 430 Litros;

Carga útil – Não informado;

Tanque de combustível – 54 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 221.785,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Opala Stock Car réplica
Opala Stock Car réplica

Carros antigos

Abrir bate-papo
Olá 👋
Seja bem vindo

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos