fbpx
Pular para o conteúdo

Corcel 71 o melhor e mais completo compacto entre os anos de 1968 e 1972

Corcel 71
Compartilhe

Corcel 71 o melhor e mais completo compacto entre os anos de 1968 e 1972. O projeto Ford já nasceu mergulhado em uma briga bastante acirrada com os modelos VW 1600, que chegaram exatamente na mesma época.

O VW Sedan “Fusca” e seus irmãos da família Volkswagen 1600, formavam o grupo dos veículos zero km mais baratos e de melhor revenda do país. Mas a Ford, tinha um produto diferenciado, com uma plataforma mais moderna, com mais conforto e segurança. Sem contar que o motor 1.3 era mais ágil e de maior velocidade final.

A Ford ainda estava iniciando o aprendizado de comércio de compactos aqui na América do Sul, a montadora estava habituada a comercializar utilitários e carros de luxo de grande porte, como os modelos de sua subsidiária Willys Overland.

Mas o aprendizado foi rápido e rendeu bons frutos. O Ford Corcel 71, estava em seu terceiro ano de produção, e sozinho tinha um número de unidades emplacadas, no mesmo patamar de toda a família VW 1600, ficando atrás apenas do VW Sedan o Fusca.

O ponto negativo do Ford Corcel, entre 1968 e 1972, ficava por conta do sistema de acoplamento das rodas, as famosas cruzetas, que exigiam manutenções preventivas e corretivas constantes. Para proprietários menos atentos, a falta de manutenção no acoplamento das rodas, principalmente nas dianteiras, era certeza de ficar pelo caminho.

Mas o que mais chama a atenção na concorrência do mundo dos compactos na ocasião, era que o modelo da montadora americana, conseguia alcançar velocidade final real de 141 km/h com um motor 1.3, nas versões Standard e Luxo, marca que os modelos 1.6/1600 Volkswagen não conseguiam alcançar.

O Corcel 71, era oferecido nas carrocerias cupê e sedã, nas versões Standard e Luxo equipados com o motor 1.3, a versão GT 1.3 na carroceria cupê. E no final do mesmo ano a montadora inova, e lança o Corcel GT com o novo motor 1.4 de 85 cv brutos, aproximadamente 67 cv líquidos.

Hoje no mercado de carros antigos, a carroceria cupê, como a da nossa matéria, é a mais procurada, recebe mais de 50.000 buscas por mês na internet. É impressionante a força da família Ford Corcel no mundo dos carros clássicos, um veículo de bastante rotatividade nos pátios de revendedores de carros antigos e colecionadores. Ainda é um dos poucos colecionáveis com um preço dentro da realidade.

Corcel 71

Ficha Técnica – Corcel 71

Carroceria – Ford Cupê; Porte – Médio; Portas – 2; Motor – 1.3; Cilindros – 4 em linha; Válvulas por cilindro – 2; Posição – Longitudinal; Potência – 68 cv; Cilindrada – 1289 cm³; Torque máximo – 9,8 kgfm a 3400 rpm.

Potência Máxima – 5200 rpm; Peso/Torque – 91,8 kg/kgfm; Tração – Dianteira; Combustível – Gasolina; Alimentação –  Carburador; Direção – Simples; Câmbio – Manual de 4 velocidades, alavanca no assoalho.

Embreagem – Monodisco a seco; Freios – Freio a tambor nas quatro rodas; Peso – 900 kg; Comprimento – 4410 mm; Distância entre-eixos – 2438 mm; Largura – 1645 mm.

Altura – 1425 mm; Aceleração de 0 a 100 – 21 Segundos; Velocidade máxima – 141 km/h; Consumo: Cidade 10 km/l – Estrada 13,4 km/L; Autonomia: Cidade 470 km – Estrada 630 km; Porta malas – 380 Litros.

Carga útil – Não Informado; Tanque de combustível – 47 Litros; Valor atualizado Aproximado – R$ 115.900,00. Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos.

Corcel 71
Corcel 71

Carros antigos

Caminhonete D10, a arma da GM para enfrentar o Ford F-1000 Elba carro – Chega ao Brasil o SW da família Uno, que tirou o sono dos SW Compacto VW e GM Fiat Oggi CSS 1.4 1984 conheça o Esportivo da Família 147 Vectra Elegance, em 2009 o médio de luxo da Chevrolet ainda causava frisson Toyota Paseo, conheça o cupê compacto da montadora japonesa Corsa 99, a versão Super do popular mais confortável da década de 1990 Opala 6 caneco, a versão standard de 1979 customizada Saveiro 96, o fim da bem sucedida geração quadrada se aproximava Chrysler Neon 2000, o início do fim, do médio de elite, hoje um raro colecionável Vectra 97, nunca restaurado, a versão CD 16V, com teto solar e câmbio automático

CONTATO Fale Com o Motor Tudo no Facebook.

Carros antigos