Yamaha RD350 R 1987 A viúva negra

Compartilhe

Ela embalou os sonhos dos jovens durante a década de 1980, a RD350 R era muito rápida, leve, ágil, e com um visual inconfundível.

O modelo também mostro aqui no Brasil, a incrível evolução dos motores 2 tempos, de tecnologia afamada de pipoqueira, para uma máquina muito eficiente e moderna.

O apelido viúva negra, veio do pouco equilíbrio na relação potência e frenagem, com velocidade final real de incríveis 200 km/h e aceleração de 0 a 100 em 5 segundos, e pesando apenas 154 kg, aliado a falta de um sistema de freio mais eficiente, não era nada difícil em uma situação de emergência você ir para o chão.

Os sistemas de freios eletrônicos / ABS, só passou a ser introduzido em motos fabricadas em série, a partir de 1988, na Europa, Japão e Estados Unidos.

Ficha Técnica – Yamaha RD350 R 1987

Modelo – RD350 R;

Cilindradas – 347 cm³;

Motor – 2 tempos – 347cc3;

Cilindros – 2 paralelos;

Torque máximo – 4,77 kgfm a 8500 rpm;

Suspensão dianteira – Telescópica – Pneu Dianteiro: 90/90-18;

Suspensão Traseira – Monoamortecedor – Balança: Convencional – Pneu Traseiro: 110/80-18;

Câmbio – 6 Marchas;

Freios – Freio Dianteiro: Disco duplo – Traseiro: Disco simples;

Comprimento – 2012 mm;
Largura – 690 mm;
altura – N/D mm;
Distancia entre eixos – 1385 mm;

Velocidade máxima – 200 km/h;

Aceleração 0 a 100 – 5 segundos;

Potência máxima – 55 cv – 9000 rpm;

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros ou motos, apenas faz matérias sobre a história de veículos clássicos brasileiros.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *