Saveiro 1600 1982 refrigerada a ar

Compartilhe

Em 1982 o GOL ganha uma irmã, a picape Saveiro Quadrada, com o mesmo motor do GOL o 1600 refrigerado a ar e superou as expectativas.


O grande problema da linha GOL refrigerado a ar, era o desconfortável e pouco ágil motor 1600 herdado da Variant II, como ficou conhecido por muitos como GOL batedeira, mas para a Saveiro o motor contou outra história.

Como todos sabem a Saveiro é um utilitário, uma caminhonete de pequeno porte, e no início dos anos 80 o que importava para os proprietários e usuários de um utilitário era a relação custo benefício, e não o luxo e conforto como acontece nos dias de hoje.

O seu público era empresas desde pequeno porte até grande porte, foi ai na relação custo benefício que a pequena pick cap se consolidou no mercado.

O motor refrigerado a ar acabou sendo um aliado importantíssimo para o sucesso da Saveiro, barato, fácil manutenção, e em condições adversas, carregando peso, e em terrenos esburacados, o motor a ar Volkswagen historicamente sempre se saiu muito bem. 

Para qualquer empresa, na área de construção civil, industria, metalúrgica, oficinas mecânicas entre outras, o que importava era um carro que qualquer mecânico da esquina pudesse arrumar e sem cobrar muito, então para uma empresa ter um carro como a Saveiro era o melhor caminho.

Outras vantagens também atraiam as empresas, era a o baixíssimo  custo e a facilidade de encontrar peças.



Mas não era só a facilidade econômica, que atraiu os compradores da Saveiro refrigerada a ar, a caminhonete também encantou pela beleza de seu designer, que para o início dos anos 80 era bonito e inovador, sem contar o charme de ser uma pequena pick up, que no mercado nacional ainda era novidade.

Quanto ao acabamento e painel, eram exatamente os mesmos do GOL, simples e com poucos recursos.

Motor Tudo – Saveiro 1982 Refrigerado a ar.

Deixe uma resposta