Karmann Ghia Coupé ganha novos para – lamas traseiros

Em 1970 o Karmann Ghia ganha novo pra – lama traseiro, dando um visual diferenciado as rodas

O final da década de 1960 foi marcada pela chegada triunfal da família VW 1600, TL, Variant e VW Zé do Caixão, com motores de 65 CV, traziam um designer inovador para os fãs da montadora, e motores mais valentes, 1600 com 12 kgfm de Torque Máximo, o modelo Karmann Ghia Coupé, era equipado com o motor 1500, mas em 1970 ganha novo motor 1600, porém com menos fôlego apenas 50 CV e 10,8 kgfm de Torque Máximo.

Na prática o que acontecia entre Volkswagen e Karmann Ghia, era basicamente o mesmo padrão de contrato que existia com a Autolatina, com o fornecimento de motores AP, os modelos Ford Del Rey, Pampa e Escort, que recebiam o motor da concorrente, tinham que ter potência reduzida em relação aos modelos VW do mesmo segmento.

Mesmo assim, o Coupé esporte fino da irmã pobre da Volkswagen, ainda era o compacto nacional mais caro, feito para um público diferenciado, como esposas de grandes fazendeiros, e grandes empresários, e políticos do alto escalão do regime militar.

Desempenho

Mesmos sendo bastante aerodinâmico, não era tão mais eficiente que os demais modelos VW 1600, mas mesmo assim, ia de 0 a 100 em 24,5 segundos;

Em curvas de alta se mostrava relativamente estável;

Na cidade era suficientemente ágil, para um coupé compacto;

Na estrada chegava a bons 138 KM/h reais de velocidades final, um número respeitável para o ano de 1970;

Acabamento Externo

Frente com visual esportivo estilo europeu anos 1960, com falsas grades de ar cromadas e faróis redondos de lentes boleadas;

Setas dianteiras posicionadas abaixo dos faróis;

Para- Choques em lâminas de aço carbono cromados;

Frisos cromado em toda a extensão lateral;

Retrovisor cromado estilo raquete;

Maçanetas cromadas;

Rodas de aço tradicionais família VW 1600, grandes calotas cromadas;

Lanternas traseiras bicolor sem luz de ré;

Grande logo na tampa traseira do motor “Karmann Ghia” e “VW-1600”;

Saída dupla cromada do escapamento.

Acabamento Interno e Instrumentos

Painel – Com mostradores básicos em escala circular + relógio analógico;

Acabamento do painel – em imitação de madeira jacarandá;

Volante – Plástico injetado de dois raios na cor preto, com meia lua cromada para acionamento da buzina,e brasão Wolfsburg ao centro;

Sistema de som – Rádio AM/FM – Motoradio;

Ventilador – Não possui;

Ar – condicionado – Não possui;

Ar –  quente – Não possui;

Acendedor de cigarros – Sim

Cinzeiro – Sim

Acionamento dos vidros – Manual basculante;

Sistema de travamento das portas – Mecânico;

Ajuste do retrovisor – Manual;

Acabamento dos bancos – Em vinil, na cor preto com detalhes aveludados;

Acabamento das portas – Em vinil e detalhe em imitação de madeira Jacarandá;

Banco traseiro – Sem acessórios;

Encosto de cabeça – Não possui;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Não possui;

Assoalho – Emborrachado;

Porta-malas – Com tecido feltro;

Ficha Técnica – Karmann Ghia Coupé 1600

Carroceria – Coupé;

Porte – Compacto;

Portas – 2;

Motor – Volkswagen Boxer 1600;

Cilindros – 4 opostos;

Posição – Longitudinal;

Tuchos – Mecânicos;

Tração – Traseira;

Combustível – Gasolina;

Alimentação – Dois Carburadores;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 4 marchas;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Tambor nas rodas quatro rodas;

Peso – 850 KG;

Comprimento – 4140 mm;

Distância entre-eixos – 2400 mm;

Potência – 50 CV;

Cilindrada – 1584 cm³;

Torque máximo – 10,8 kgfm a 2800 rpm;

Potência Máxima – 4600 RPM;

Aceleração de 0 a 100 – 24,5 Segundos;

Velocidade máxima – 138 KM/h;

Consumo: Cidade 8 KM/L – Estrada 11 KM/L;

Autonomia: Cidade 309 KM – Estrada 432 KM;

Porta malas – 141 Litros;

Carga útil – Não Informado;

Tanque de combustível – 41 Litros;

Valor atualizado Aproximado – Não Informado;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta