GM Corsa Sedan Wind 1.0 1999, um popular com DNA dos médios da década de 1980

Compartilhe

No final da década de 1990, alguns modelos 1.0, já entregavam um desempenho bem mais satisfatório, para se ter uma ideia, o Corsa com motor 1.0 e injeção Multiponto, já alcançava uma velocidade final maior, que de eu antecessor o Chevette com motor 1.6.

Outra curiosidade, é que modelos como a versão, GM Corsa Sedan Wind 1.0 1999, tinha um nível de ruído interno e a maciez na dirigibilidade, que lembrava os carros de médio porte do final da década de 1980.

No início dos anos 2000, cheguei a dirigir por alguns meses um modelo igual ao da matéria, e realmente o desempenho e a qualidade do carro chamavam a atenção, mesmo com motor 1.0 de apenas 60 cv, tinha um ótimo torque, bom de estrada e na cidade. Mesmo em subidas ou com 4 adultos, o carro mantinha um bom desempenho, sem gastos de combustível acima do esperado.

Uma das coisas que mais impressionava, era que mesmo com o motor em altas rotações, você praticamente não sentia a vibração na parte interna, a posição de dirigir também era um ponto forte do modelo, em viagens longas não cansava o motorista.

Desempenho

Estabilidade –  O conjunto do projeto, dava ao carro uma ótima estabilidade, a Chevrolet incrivelmente conseguia unir, maciez e eficiência, em uma mesma suspensão, mesmo para um modelo 1.0 popular, entregava um algo a mais.

O motor – Equipado com o motor GM Família I 1.0 a gasolina, entregava bons 60 cv, com torque máximo de 8,3 kgfm a 3000 rpm, era eficiente e confiável. Com velocidade final real de 155 km/h.

Câmbio –  O câmbio manual de 5 velocidades, era de engates macios e precisos, em trocas mais rápidas de marcha, se mantinha eficiente.

Retomadas e ultrapassagens – Mesmo sendo um modelo com motor 1.0, era rápido e eficiente para o segmento, com aceleração de 0 a 100 em 18 segundos.

Consumo –  Para um motor 1.0 com injeção multiponto a gasolina, fazer 11,3 km/l na cidade, era considerado um veículo econômico para a época. Mais detalhes na ficha técnica no final do post.

Acabamento Externo

Faróis –  Com linhas boleadas;

Setas dianteiras – Embutidas no mesmo conjunto dos faróis;

Para – choques –  Envolventes na cor da carroceria;

Faróis de neblina – Não;

Grade de ar do motor – Embutida discretamente entre o capô e para-choque;

Retrovisores Externos – Panorâmicos na cor grafite, com controle mecânico interno;

Frisos – Emborrachado em toda a extensão lateral do carro;

Rodas – 165/70 R13;

Maçanetas – Na cor grafite;

Logo – “Corsa”, Na tampa do porta–malas;

Lanterna Traseira – Tricolor com luz de ré;

Bagageiro – Não;

Teto Solar – Não;

Limpador do vidro traseiro – Não;

Acabamento Interno e Instrumentos

Painel – Com mostradores básicos em escala circular;

Conta – giros – Não;

Acabamento do painel – Em vinil em tons grafite;

Volante – Espumado de dois raios;

Sistema de som – Sim;

Ventilador – Sim;

Ar – condicionado – Opcional;

Ar –  quente – Sim;

Luz de leitura – Sim;

Relógio – Não;

Acendedor de cigarros – Sim;

Cinzeiro – Sim;

Acionamento dos vidros – Manual basculante;

Sistema de travamento das portas – Mecânico;

Ajuste dos retrovisores externos – Mecânico interno;

Acabamento dos bancos – Em tecido aveludado;

Acabamento das portas – Em vinil e tecido;

Luz de Sinalização no rodapé das portas – Não;

Banco traseiro – Com cinto de segurança e três pontos para dois passageiros;

Encosto de cabeça – Para dois passageiros, nos bancos dianteiros;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Sim;

Assoalho – Acarpetado;

Porta-malas – Acarpetado;

Ficha Técnica – GM Corsa Sedan Wind 1.0 1999

Carroceria – Sedã;

Porte – Compacto;

Portas – 4;

Motor –  GM Família I 1.0;

Cilindros – 4 em linha;

Válvulas por cilindro – 2;

Posição – Transversal;

Combustível – Gasolina;

Potência – 60 cv;

Peso Torque – 110,8 kg/kgfm;

Cilindrada – 999 cm³;

Torque máximo – 8,3 kgfm a 3000 rpm;

Potência Máxima – 6000 rpm;

Tração – Dianteira;

Alimentação –  Injeção Multiponto;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 5 velocidades com alavanca no assoalho;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Freio a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;

Peso – 920 kg;

Suspensão dianteira – Independente, McPherson – Mola helicoidal;

Suspensão traseira – Eixo de torção – Mola helicoidal;

Comprimento – 4026 mm;

Distância entre-eixos – 2443 mm;

Largura – 1608 mm;

Altura – 1388 mm;

Aceleração de 0 a 100 – 18,1 Segundos;

Velocidade máxima – 155 km/h;

Consumo: Cidade 11,3 km/l – Estrada 16,8 km/l;

Autonomia: Cidade 520 km – Estrada 773 km;

Porta malas – 390 Litros;

Carga útil – 440 kg;

Tanque de combustível – 46 Litros;

Valor atualizado Aproximado – R$ 81.702,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos brasileiros.joi

Deixe um comentário