Ford Taurus GL 1994 após 11 anos a montadora traz um novo gigante

Compartilhe

11 após o Ford Landau ser descontinuado, a montadora apresenta um novo modelo de grande porte, situações e épocas diferente, mas que nos fizeram lembrar a década de 1970.

No início da década de 1990, visitei uma concessionária Ford em minha região, e logo na entrada me deparei com um Ford Taurus, e confesso que fiquei chocado com o tamanho do carro, maior que um Opala, algo literalmente parecido com o tamanho de um Landau, achei o carro lindo e requintado, mas comecei a pensar. Será que eu compraria algo tão grande?

O Ford Taurus GL 1994 era a versão de entrada, mesmo assim, vinha de série recheado de itens de luxo e segurança, freios ABS, volante multifuncional, Airbag, trio elétrico, ar – condicionado, entre outros.

O grande problema, era que o modelo, vinha dos Estados Unidos, com um preço bastante salgado na concessionária, e a reposição de peças na primeira metade dos anos 1990, eram caras e difíceis de serem encontradas. Até para unidade zero km, peça só sob encomenda.

Mesmo com tantas situações contra, o modelo sobreviveu durante toda a década de 1990, recebendo até um significativo upgrade no visual na segunda metade da década.

Desempenho

Como todo bom Ford de grande porte, originalmente norte americano, o valente motor Vulcan 3.0 V6, entregava ótimos 141 cv de força, atingindo velocidade final de quase 190 km/h, com muito equilíbrio e maciez;

O Taurus entregava uma ótima velocidade de Cruzeiro, em velocidades acima de 160 km/h, se mantinha estável, sem oscilações por longos períodos;

O interessante era que, em certos momentos ele tinha um balanço na estrada semelhante ao do landau, com a diferença de continuar mantendo o equilíbrio e a segurança;

Em curvas de alta, a suspensão se mantinha eficiente, sem saídas repentinas de frente ou traseira.

Acabamento Externo

Frente com faróis retangulares, com luz de longo alcance embutida na mesma lente;

Para – choques envolventes, pintados na cor do carro;

Rodas de aço 205/65 R15;

Retrovisores panorâmicos, com ajuste interno elétrico;

Friso lateral em toda a extensão do carro com o logo “Taurus GL”;

Lanternas traseira trapezoidais, tricolor.

Acabamento interno

Painel com mostradores em escala em meia lua, sem conta – giros, que para um modelos tão potente fazia falta;

Dependendo da posição que o volante parasse, dificultava a visualização do velocímetro;

Volante executivo de 4 raios, multifuncional um grande avanço para a época;

Regulagem de altura do volante;

Relógio digital;

Rádio toca – fitas digital, AM/FM;

Acendedor de cigarros;

Cinzeiro;

Ventilador;

Ar – quente;

Vidros elétricos nas 4 portas;

Travamento centra das portas;

Apoio para braço, no meio dos bancos dianteiros, que também servia como porta trecos;

Acabamento dos bancos em tecido aveludado;

Encosto de cabeça para 4 pessoas;

Luz de sinalização na rodapé de cada porta;

Assoalho e porta malas, acarpetados.

Ficha Técnica – Ford Taurus GL 1994

Carroceria Sedan;

Porte Grande;

4 portas;

Motor Vulcan 3.0;

Cilindros 6 em V;

Transversal;

Tuchos Hidráulicos;

Tração Dianteira;

Combustível Gasolina;

Injeção Multiponto;

Direção Hidráulica;

Câmbio Automático de 4 velocidades;

Acoplamento conversor de torque;

Freios a disco ventilado nas rodas dianteiras e sólido nas rodas traseiras;

Peso 1542 kg;

Potência 141 cv;

Potência Máxima 4800 rpm;

De 0 a 100 – 11,6 Segundos;

Velocidade máxima 189 km/h;

Consumo na Cidade 7 km/l – Estrada 9,2 km/l;

Porta malas 510 Litros;

Carga útil 568 kg;

Tanque de combustível 61 Litros;

Valor atualizado Aproximado –  R$ 172.754,00;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

O Motor Tudo, NÃO trabalha com nenhum tipo de comércio de carros, apenas faz matérias sobre a história de carros clássicos brasileiros.

Carros Clássicos Brasil – Ford Taurus

5 comentários sobre “Ford Taurus GL 1994 após 11 anos a montadora traz um novo gigante”

  1. Meu Pai, hoje com 76 anos, tem um ano 1994 – GL – 3.0 – bege, que está na mão dele há uns 15 anos e muito bem conservado…E, com a idade avançada, já não pode mais dirigir e o carro está atrapalhando na pequena garagem de casa…Hoje fui buscá-lo, para uma última revisão antes de vende-lo…Se alguém tiver interesse, entra em contato comigo, sou de Curitiba.

  2. Tenho um GL 1994. Comprei, rodei 40000 km, hoje está com 158000. Bom carro, com banco em couro, rodas de liga leve, freio a disco nas quatro rodas, ajuste elétrico banco motorista e, pasmem, um celular Motorola pt 550 agregado ao console.

Deixe um comentário