Carro MP Lafer 1981 Para um público diferenciado

Um fora de serie, com jeito de esportivo clássicos europeu, uma cópia do britânico MG TD de 1952, com motor VW 1600, atendia um público com muita grana no bolso

De vendas modestas, o carro MP Lafer 1981, teve um número de unidade emplacadas não muito significativo, durante toda sua trajetória no Brasil, emplacava em média de 300 a 400 unidade por ano, em 1980 bateu seu pico de vendas com 600 unidades comercializadas.

Mas para comprar um MP Lafer você precisava de duas coisas, a primeira era ter um gosto extravagante, pois as linhas eram bonitas e diferenciadas, totalmente fora dos padrões dos modelos comercializados por aqui, a segunda era ter muito dinheiro no bolso, o esportivo com jeitão britânico, era um dos fora de série mais caros do Brasil, superando os modelos Puma e Miura.

O público alvo da montadora, era pessoas com mais e 45 anos, da antiga classe média e alta dos grandes centros, além de muitas celebridades, como Jô Soares, e diversos artistas globais.

Desempenho

Utilizando a plataforma VW 1600, e pesando menos de 800 KG, entregava um bom desempenho na cidade, indo de 0 a 100 em 18,8 segundos, um bom número para uma plataforma dos anos 1970;

Na estrada, o que valia era o vento no rosto, um conversível leve, com a mesma suspensão da família VW, era de desempenho modesto em curvas de alta, com tendencias a siar de traseira;

Em retas atingia bons 129 KM/h de velocidade final real.

Acabamento Externo

Frente com imitação de um radiador cromado;

Grandes faróis redondos, cromados de lentes boleadas;

Três luzes redondas de longo alcance, acima do para – choque dianteiro;

 Para – choques em lâminas de aço carbono cromados;

Retrovisor redondo, cromado, com ajuste manual;

Setas dianteira, sobre os para – lamas;

Maçanetas, cromadas;

Capota em vinil;

Rodas de liga – leve exclusivas;

Lanternas traseiras tricolor, com luz de ré;

Caixa de estepe na parte traseira.

Acabamento Interno

Painel – completo com diversos mostradores, incluindo voltímetro, pressão do óleo, e conta – giros;

Acabamento do painel – Em madeira jacarandá;

Volante – Esportivo de três raios, com aro em madeira;

Sistema de som – Não Informado;

Ventilador – Não possui;

Ar – condicionado – Não Possui;

Ar –  quente – Não possui;

Acendedor de cigarros – Sim

Cinzeiro – Sim

Acionamento dos vidros – Manual basculante;

Sistema de travamento das portas – Mecânico;

Ajuste do retrovisor – Manual;

Acabamento dos bancos – Em couro com o logo MP estampado;

Banco traseiro – Sem acessórios;

Encosto de cabeça – Para dois passageiros, embutidos no banco dianteiro;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro – Não possui;

Assoalho – Acarpetado;

Porta-malas – Acarpetado;

Ficha Técnica – Carro MP Lafer 1981

Carroceria – Conversível;

Porte – Compacto;

Portas – 2;

Motor – Sevel Turbocompressor;

Cilindros – 4 opostos;

Posição – Longitudinal;

Tuchos – Mecânicos;

Tração – Traseira;

Combustível – Gasolina;

Alimentação – Carburador;

Direção – Simples;

Câmbio – Manual de 4 marchas;

Embreagem – Monodisco a seco;

Freios – Disco Sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas  traseiras;

Peso – 776 KG;

Comprimento – 3910 mm;

Distância entre-eixos – 2400 mm;

Potência – 65 CV;

Cilindrada – 1584 cm³;

Torque máximo – 13 kgfm a 3000 rpm;

Potência Máxima – 4600 RPM;

Aceleração de 0 a 100 – 18,8 Segundos;

Velocidade máxima – 129 KM/h;

Consumo: Cidade 8 KM/L – Estrada 11 KM/L;

Autonomia: Cidade 328 KM – Estrada 451 KM;

Porta malas – 150 Litros;

Carga útil – Não Informado;

Tanque de combustível – 41 Litros;

Valor atualizado Aproximado – Não Informado;

Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária – Não possui nenhum parâmetro real do mercado atual.

Deixe uma resposta