Caravan Comodoro 2.5 1982 Uma SW Para Poucos

Em época de peruas médias e compactas, ela reinava absoluta no mercado dos modelos de grande porte, luxuosa, confortável e muito eficiente

O início da década de 1980, foi marcado pelo sucesso dos modelos Ford Belina, VW Parati e Chevrolet Marajó, um pouco mais atrás em número de unidades emplacadas, Fiat panorama, a versão de grande porte da família Opala, Caravan Comodoro 2.5 1982, era a SW mais cara do mercado nacional, ficando atrás apenas da versão 4.1, mesmo assim se mantinha entre os nacionais mais vendidos.

Os três primeiros anos da década de 1980, ainda sofríamos fortes reflexos da crise do petróleo, a versão equipada com motor 2.5 de 4 cilindros a gasolina, entregava bons 90 CV de força, com uma boa relação de economia de combustível, em média 11,1 KM/L na estrada, além de oferecer como opcional, direção hidráulica e ar – condicionado.

O ponto negativo ficava para o alto custo das manutenções preventivas e corretivas, a família Opala ao lado do alfa Romeo 2300, eram os modelos de maior custo de manutenção.

Desempenho

O motor Chevrolet era confiável e muito robusto, mesmo na versão 4 cilindros, entregava um desempenho a altura de um modelo de luxo de grande porte para a época.

A suspensão oferecia uma tecnologia de ponta, a Chevrolet era a única montadora nacional, que conseguia ter uma suspensão macia e ao mesmo tempo muito eficiente.

O conjunto carroceria, chassis e suspensão, era muito eficiente em curvas de alta, mesmo com piso molhado,, em retas em velocidades acima de 140 Km/h se mantinha bastante estável.

Acabamento Externo

Frente com faróis quadrados, embutidos em um mesmo conjunto com a seta;

Grade de ar do motor cinza, com frisos em formato retangular, e a gravata Chevrolet embutida;

Para – Choques em lâminas de aço carbono, cromados, com friso emborrachado na frente;

Friso emborrachado em toda a extensão lateral, com o logo Comodoro, dando um visual executivo ao carro;

Retrovisores de plástico, com ajuste manual;

Rodas de aço 195/70 R14;

Maçanetas cromadas;

Grandes e eficientes lanternas traseiras tricolor, com luz de ré;

Limpador do vidro traseiro.

Acabamento Interno

Painel com mostradores em escala circular + Conta – giros e relógio analógico;

Volante executivo de 2 raios, de plástico injetado;

Rádio toca – fitas AM/FM, Roadstar;

Acendedor de cigarros;

Cinzeiro embutido no painel;

Ar – condicionado – Opcional;

Ventilador de três velocidades;

Ar – quente;

Acabamento das portas em vinil;

Acionamento dos vidros, manual basculante;

Acabamento dos bancos em tecido plástico;

Bancos dianteiros com encosto de cabeça embutido;

Assoalho acarpetado;

Porta – malas acarpetado;

Desembaçador elétrico do vidro traseiro.

Ficha Técnica – Caravan Comodoro 2.5 1982

Carroceria SW;

Porte Grande;

2 portas;

Motor Chevrolet 2.5 cód 151;

Cilindros 4 em linha;

Longitudinal;

Tuchos Hidráulicos;

Tração traseira;

Combustível Gasolina;

Carburador;

Direção Hidráulica – opcional;

Câmbio manual de 4 marchas;

Embreagem monodisco a seco;

Freios a disco sólido nas rodas dianteiras e tambor nas rodas  traseiras;

Peso 1214 KG;

Potência 90 CV;

18 kgfm a 2800 rpm

Potência Máxima 4500 RPM;

De 0 a 100 – 17,3 Segundos;

Velocidade máxima 148 KM/h;

Consumo Consumo na Cidade 5,5 KM/L – Estrada 11,1 KM/L;

Porta malas 774 Litros;

Carga útil – 500 KG;

Tanque de combustível 84 Litros.

Motor Tudo – Caravan Comodoro 2.5 1982

Carros Clássicos Brasil – Caravan

Deixe uma resposta