Opala Comodoro SL/E 1989 o rei dos taxistas

Opala Comodoro SL/E 1989 o rei dos taxistas, barato, confiável e muito confortável

No final da década de 1980, os modelos Chevrolet Monza e VW Santana, já eram utilizados por taxistas em todo o território nacional, ambos no auge das vendas no mercado brasileiro, ofereciam com um auto custo de manutenção e compra, ao contrário da versão intermediária do modelo de grande porte da Chevrolet, o Opala Comodoro SL/E 1989, a montadora disponibilizava com um custo de compra para taxistas e empresas de transporte de luxo, por um valor menor que as verões SL/E do Monza e GLS da linha Santana, e ainda com um valor de manutenção mais em conta.

O resultado foram aeroportos, portos e outros pontos, tomados pelo, Opala Comodoro SL/E, com placas vermelhas, entre os anos de 1988 e 1990, foi o veículo nacional mais emplacado no seguimento de serviços de luxo.

O consumo de combustível também atraía os autônomos e empresários do ramo, praticamente o mesmo dos modelos 1.6 e 1.8 da época, conforme números na ficha técnicas abaixo.

Desempenho

  • O motor Chevrolet 2.5 Cód 151, era muito confiável, robusto e e entregava bons 82 CV de força, o suficiente, para dar ao carro a agilidade suficiente na cidade e ainda manter um baixo consumo de combustível;
  • Na estrada era o verdadeiro navegador silencioso, mas pecava em velocidade final, um pouco abaixo do esperado, para um modelo de luxo de grande porte, “Conforme Ficha técnica abaixo”;
  • A estrutura Opala sedã, que apesar de ter sido desenvolvida nos anos 1960, recebeu vários upgrade durante o passar das décadas, e ainda era um modelo muito estável em curvas de alta, mesmo com piso molhado.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Acabamento Externo

  • Frente com faróis trapezoidais, embutidos em uma mesma lente com luz de longo alcance e setas;
  • Grade de ar com a gravata Chevrolet;
  • Para – choques em aço carbono, pintados na cor grafite, com acabamento emborrachado e cantoneiras de plástico estendidas até a roda;
  • Lanternas traseira tricolor;
  • Moldura acrílica para embutir entre as lanternas para embutir a entrada de combustível;
  • Friso emborrachado em toda a lateral com o logo SL/E;
  • Rodas de liga – leve 195/70 R14;
  • Retrovisores satélites com controle elétrico interno;

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Acabamento Interno

  • Painel com mostradores redondos + conta – giros;
  • Volante espumado de três raios;
  • Relógio digital;
  • Ventilador;
  • Ar – quente;
  • Vidros e travas elétricas;
  • Ajuste dos retrovisores;
  • Acendedor de cigarros;
  • Desembaçador elétrico do vidro traseiro;
  • Acabamento de bancos e portas em tecido aveludado;
  • Travamento central das portas;
  • Luz de alerta no roda – pé das portas;
  • Encosto de cabeça para quatro pessoas;
  • Apoio para braço no banco traseiro;
  • Assoalho e porta malas acarpetados.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Ficha Técnica

  • Carroceria sedã;
  • Porte grande;
  • 4 portas;
  • Motor Chevrolet Cód 151 – 2.5;
  • Cilindros 4 em linha;
  • Longitudinal;
  • Tuchos Hidráulicos;
  • Tração traseira;
  • Combustível Gasolina;
  • Carburador;
  • Direção Hidráulica;
  • Câmbio manual de 5 marchas;
  • Embreagem monodisco a seco;
  • Freios a disco ventilado nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;
  • Peso 1292 KG;
  • Potência 82 CV;
  • Potência Máxima 4400 RPM.
  • De 0 a 100 – 15,8 Segundos;
  • Velocidade máxima 152 KM/h;
  • Consumo Consumo na Cidade 7,1 KM/L – Estrada 10,1 KM/L;
  • Porta malas 376 Litros;
  • Carga útil 420;
  • Tanque de combustível 91 Litros;
  • Preço atualizado Não informado;
  • Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades


Motor Tudo – Opala Comodoro SL/E 1989

Carros Clássicos Brasil – Opala

Opala Comodoro SL/E 1989 o rei dos taxistas
5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta