Fusca a história moderna 1960 a 1996

Fusca a história moderna, 1960 a 1996 conheça passo a passo a evolução com fichas técnicas e fotos

Fusca, nossa história começa no início dos anos 60, década em que literalmente o Fusca se tornou uma verdadeira epidemia nas ruas do Brasil, disparado o veículo mais emplacado nos anos 60 e 70

A história moderna do Fusca ou Volkswagen Sedã, começa nos anos 60, mais precisamente em 1961, quando o modelo recebe seu primeiro upgrade significativo, novo câmbio, itens de segurança, ano a ano a Volkswagen empregou novas atualizações.

Fusca 1961 – Mais eficiente e confortável para dirigir.

Em 1961 o Fusca ganha um novo projeto para o câmbio, a primeira marcha passava a ser sincronizada, dando ao carro mais facilidade nos engates e arranques, o diferencial também foi redimensionado melhorando o carro em retomadas.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.

Volkswagen.



Ficha Técnica – Fusca 1961.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.

Fusca 1962 – Ganha chassis nacional.

Em 1962 o Chassis passa a ser produzido no Brasil, gerando mais empregos diretos e indiretos, outras mudanças aconteceram no mesmo ano.

Novos faróis mais assimétricos, chega ao fim os faróis estilo slead-bean, e inicia a era dos para-choques estilo cabides além de nova lanterna traseira bicolor, maior e mais eficiente, o reservatório do limpador de para-brisa passa a ser fixado no compartimento do estepe, com acionamento pneumático.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades.

Imagens Reginaldo de Campinas Raridades.

Ficha Técnica – Fusca 1962.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1963 – Ganha novos bancos e atualizações mecânicas.

No início dos anos 60 o Fusca ainda era o carro mais emplacado do Brasil disparado, para se manter no topo da tabela a Volkswagen criou novo sistema de costura eletrônica para os bancos, os dianteiros passaram a ter um formato mais quadrado.

O sistema de freios, ganhou novo reservatório plástico, colocando fim no processo de corrosão e melhorando a eficiência, o sistema de direção ganha amortecedores, deixando a direção mais macia e precisa, a bomba de gasolina também ganhou um upgrade, agora vinha de série com filtro, diminuindo consideravelmente as falhas, causadas por sujeiras.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Ficha Técnica – Fusca 1963.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1964 – Ganha diversos itens de segurança e mecânica, é lançado o Fusca com teto solar.

Em 1964 a Volkswagen inovou lançando o Fusca com teto solar, ficou popularmente conhecido como “cornowagen”, outras mudanças importantes aconteceram no mesmo ano.

  • Portas com novas dobradiças, com lubrificação direta no pino mestre.
  • Tanque de combustível com novo desenho e acoplado mais abaixo, permitindo uma melhor distribuição do porta-malas.
  • Com novo tanque, também foi reestilizada a caixa de estepe.
  • O lavador de vidros do para-brisa, também foi reposicionado, passou a ser fixado na caixa de estepe.
  • O modelo também recebeu uma nova caixa de fusíveis, os fusíveis passam a ser agrupados em uma única caixa, de unidades, localizada atrás do painel no porta-malas.
  • Novo acabamento para os bancos, em tecido pijama com uma faixa central, além do novo encosto curvo.
  • O acabamento do teto também ganhou atenção, passou a ser confeccionado em peça única.
  • Novas borrachas de vedação das portas, que também passaram a servir como limitador de abertura.
  • As luzes da placa ficaram maiores e mais eficientes.
  • Novo pisca dianteiro estilo “sorriso curto”.
  • As travas de direção e miolo de ignição passam a ser fabricados em uma mesma peça.
  • Lançamento do fusca com teto solar, mas por motivos de vedação inadequada entre outros problemas, poucas unidades foram produzidas.
  • Barra de direção e terminais de direção ganham rolamentos e acessórios com lubrificação permanente.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Ficha Técnica.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1965 – Ajustes no motor e parte elétrica.

A montadora alemã coloca fim nas diferentes dimensões de bateria que equipavam o Fusca, a partir de 1965 a bateria, compartimento de apoio e sinta de fixação, passam a ter tamanhos padronizados.

O sistema de freio ganha nova cebolinha evitando retorno de fluido e tornando o sistema mais eficiente.

A partir de Novembro de 1965 o castilho do 4º mancal é reposicionado e ganha nova forma de montagem, aumentando o tempo de vida útil do motor.

Imagens Brunelli Veículos Antigos.

Imagens Brunelli Veículos Antigos.

Imagens Brunelli Veículos Antigos.

Imagens Brunelli Veículos Antigos.

Imagens Brunelli Veículos Antigos.

Ficha Técnica – Fusca 1965.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1966 – O Último ano do motor 1200.

No último ano de produção do motor 1200, a Volkswagen oferece motorização com sistema elétrico de 12V,  outra mudança significativa foi o redimensionamento do vidro traseiro, que ficou 20% maior.

O sistema de limpador de par-brisa também foi atualizado, ganhou novo motor, palhetas e braços, passou a ficar parado do lado do motorista.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Ficha Técnica – Fusca 1966 – com sistema de 12V.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1200.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 36 CV.
  • De 0 a 100 – 52 Segundos.
  • Velocidade máxima 95 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1967 – O primeiro ano do Fusca com motor 1300 de 46 CV de força.

Chega ao fim o motor 1200 de 36 CV de força, entra em cena o novo motor 1300 cc, com 10 CV a mais e uma melhor taxa de compressão, com isso o Fusca se tornou mais seguro, principalmente no que se refere a ultrapassagens e retomadas e finalmente o Fusca ultrapassava 100 KM/h de velocidade real.

Potência que seria reduzida para 38 CV em alguns modelos nos anos seguintes, mas com o mesmo motor 1300.

Em 1967 o Fusca de início a propagação de vários derivados, VW 1600, Variant, TL, SP2 entre outros.

Outros itens foram adicionados para melhorar o desempenho, segurança e tempo de vida útil.

  • Novo distribuidor com tampa baixa.
  • Filtro de ar com abertura maior no suspiro.
  • Pedal do acelerado deslizante.
  • Rodas de 15, com aberturas maiores para refrigeração dos freios.
  • O acionamento da luz alta, passou para a alavanca de seta, mais eficiente e confortável.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Imagens Século 20 Veículos de Coleção.

Ficha Técnica – Fusca 1967 – 1300.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 45 Segundos.
  • Velocidade máxima 105 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1968 – Ganha atualização de câmbio.

O Fusca ganha novos retrovisores de série estilo bracinho, mas a grande atualização foi no câmbio, primeiras e segundas marchas ganham novos sincronizadores e novos rolamentos com gaiolas plásticas, deixando os engates mais precisos.

Imagens Pastore Car Collection,.

Imagens Pastore Car Collection,.

Imagens Pastore Car Collection,.

Imagens Pastore Car Collection,.

Ficha Técnica – Fusca 1968.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas com novos sincronizadores.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 45 Segundos.
  • Velocidade máxima 105 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1969 – O modelo ganha mais de 2500 atualizações no câmbio, motor e suspensão.

Em 1969 o Fusca passa por uma profunda modificação em itens que aos olhos do proprietário passaram despercebidos, mas que melhoraram a segurança dos freios, o motor passou a ter um tempo de vida útil maior, e a suspensão ficou mais precisa.

Uma das maiores modificações foram na qualidade do material de fabricação de muitos componentes do motor, com maior resistência a alta temperatura e atrito.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Imagens Pastore Car Collection.

Ficha Técnica Fusca 1969.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas com novos sincronizadores.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 45 Segundos.
  • Velocidade máxima 105 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1970 – Série 1 – Ganha novo pacote de itens de segurança, incluindo cintos de série

No primeiro semestre de 1970 o Fusca não teve nenhuma alteração significativa no visual e na estrutura, ainda utilizando o motor 1300, mas ganhou um pacote de itens de segurança que colocou o modelo VW Fusca em um patamar acima no conceito mundial.

  • Cintos de segurança de série.
  • Extintor de incêndio.
  • Novos pedais de freios e embreagem, mais afastados, acabando com o problema de quem tinha uma estatura e um pé maior, ao pisar em um pedal acionava o outro, agora com os pedais melhor localizados, o motorista tinha mais conforto e segurança.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection


Ficha Técnica – Fusca 1970 Série 1.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas com novos sincronizadores.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 45 Segundos.
  • Velocidade máxima 105 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1970 Série 2 – Nasce o Fuscão, fim dos para-choques estilo cabide e ganha motor 1500

O Fusca finalmente ganha cara nova, Chega ao fim a era dos lindos para-choques cabides, inicia a era dos para-choques em lâminas simples cromados, ficando também 20 KG mais pesado, outra mudança significativa, foram as novas lanternas traseiras, tricolor, maiores, mais eficientes e com luz de ré.

OS capôs, dianteiros e traseiros ficaram mais curtos, para não se prenderem ao para-choque em caso de colisão.

Pela primeira vez o Fusca chega a 125 KM/h.

Mas a grande mudança foi a chegada do motor 1500 de 52 CV de força, dando mais agilidade e fôlego, antes ia de 0 a 100 em até 45 segundos, agora levava apenas 23 segundos, rapidamente foi apelidado como Fuscão.

Imagens Século 20 Veículos Antigos.

Imagens Século 20 Veículos Antigos.

Imagens Século 20 Veículos Antigos.

Imagens Século 20 Veículos Antigos.

Imagens Século 20 Veículos Antigos.


Ficha Técnica – 

Fusca 1970 1500 Série 2 

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1500.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 52 CV.
  • De 0 a 100 – 23 Segundos.
  • Velocidade máxima 125 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1971 – O primeiro carro brasileiro a realizar o Crash test.

Finalmente o Brasil começava a entrar com mais seriedade no setor de segurança da industria automobilística, o Fusca foi o primeiro carro brasileiro a fazer o Crash Test, para avaliar e melhorar a relativa dureza que, tanto a carroceria como o chassis deveriam ter.

Imagens Luciano automóveis Fraiburgo SC.

Imagens Luciano automóveis Fraiburgo SC.

Imagens Luciano automóveis Fraiburgo SC.

Imagens Luciano automóveis Fraiburgo SC.

Ficha Técnica – Fusca 1971 1500. 

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1500.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 52 CV.
  • De 0 a 100 – 23 Segundos.
  • Velocidade máxima 125 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 12 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1972 – Pequenas atualizações, mas sem parar de evoluir

Ganha nova relê de seta, com nova alavanca de acionamento deixando mais, diminuindo a queima de lâmpada e melhorando o manuseio por parte do motorista.

A versão Fuscão 1500 ganha tampa do distribuidor mais alta.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica – Fusca 1972 1500. 

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1500.
  • Novo sistema de embreagem.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 52 CV.
  • De 0 a 100 – 23 Segundos.
  • Velocidade máxima 125 KM/h.
  • Consumo Cidade 6 KM/L Estrada 10 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1973 – Ganha faróis com lentes planas, itens de segurança e engenharia

Em 1973 a foi determinado uma nova do fecho de luz dos faróis em relação ao solo, para isso o Fusca ganha novos faróis com lentes planas, no Fuscão 1500 as grade de entrada de ar ficam maiores.

  • Novo sistema de embreagem, sistema capô chines.
  • Botão do limpador de vidros agora era de girar e com duas velocidades.
  • Os botões do painel passaram a ser de plástico flexível com ícones.
  • Novo volante bumerangue de plástico injetado.
  • Novo sistema de ventilação interna, estilo orelhinhas.
  • Tapetes individuais emborrachados e carrapatinho preto no túnel central.
  • O último ano do adesivo imitação de madeira jacaranda, agora visual preto.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha técnica Fusca 1500 – 1973.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1600.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 52 CV.
  • De 0 a 100 – 23 Segundos.
  • Velocidade máxima 125 KM/h.
  • Consumo Cidade 6 KM/L Estrada 10 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1974 – Chega ao mercado a versão 1600s o besourão – com conta-giros

O primeiro Fusca esporte do Brasil, equipado com motor 1600S, 65 CV dupla carburação, ia de 0 a 100 em incríveis 17,2 segundos, a fera estava solta, mais ágil, mais forte, maior tempo de vida útil e um lindo conjunto no visual esportivo.

  • Bancos reclináveis.
  • Volante esportivo de três raios estilo walrod,
  • Conta-giros.
  • Marcador de temperatura.
  • Relógio e amperímetro.
  • Aro 14″ de Brasilia.
  • Pneus radias.
  • Spolier de plástico preta, sobre a entrada de ar do motor dando um visual único e esportivo.
  • Foi batizado com vários nomes, Super Fuscão, Besourão, Bisorrão, Fusca Sport.

Ficha Técnica –  Fusca 1600S 1974

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1500.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador duplo.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 65 CV.
  • De 0 a 100 – 17,2 Segundos.
  • Velocidade máxima 139 KM/h.
  • Consumo Cidade 5,9 KM/L Estrada 9,8 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1975 – Chega ao mercado a versão Fusca 1300L com nova taxa de compressão

A versão 1300 L veio para atender as novas regras que seriam adotadas a partir de 1976, com a crise do petróleo, mais econômico, e ainda mantendo um bom desempenho.

Novos itens.

  • Lavador do para-brisa com acionamento no pé.
  • Conjunto de hastes do limpador do para-brisa na cor grafite.
  • Rodas 4 furos.
  • Bancos dianteiros com trilhos e encosto com travas de segurança.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica Fusca 1300 L 1975.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300L.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador Simples.
  • Taxa de compressão 6,8:1.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 39,1 Segundos.
  • Velocidade máxima 117 KM/h.
  • Consumo Cidade 7 KM/L Estrada 11 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1976 – Mudanças simples.

Novo pedal do acelerador de plástico e farol passa a ter apenas 1 parafuso aparente.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica – Fusca 1300 1976.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300L.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador Simples.
  • Taxa de compressão 6,8:1.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 39,1 Segundos.
  • Velocidade máxima 117 KM/h.
  • Consumo Cidade 7 KM/L Estrada 11 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1977 – Novo carburador Solex com nova giclagem para atender as exigências do governo Geisel

Com a crise do petróleo, o governo militar Geisel, solicitou as montadores uma redução significativa no consumo, o Fusca passou a ser equipado com novo carburador Solex H30 PICS com nova giglagem.

Outras mudanças.

  • Tanque de combustível passa para a lateral direita e ganha sistema deslizante em caso de impacto.
  • Carroceria ganha novos reforços, anti-impacto.
  • Coluna de direção antipenetrante, chegava ao fim as mortes por colunas que transpassavam a cabine em caso de impacto frontal.
  • Para-sóis com movimento lateral.
  • Velocímetro com vidro ant-reflexo, novo fundo preto e ponteiros vermelhos.
  • Ícones dos botões do apinel fluorescentes.
  • Acionamento do limpador de para-brisa na chave de seta.
  • Retrovisor interno, passa a se soltar em caso de colisão.
  • Novas cores e acabamento de bancos.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica Fusca 1300 1977.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300L.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador Simples Solex H30 PIC.
  • Taxa de compressão 6,8:1.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 39,1 Segundos.
  • Velocidade máxima 117 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 11,5 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1978 – Novo sistema permite troca de óleo a cada 7500 KM

A primeira mudança foram nos gazes do carte, que agora retornavam a admissão, era o sistema de respiro positivo.

As trocas de óleo deixam de serem feitas a cada 1000 Km e passam agora para cada 7500 KM.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.

Ficha Técnica – Fusca 1300 1978.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300L.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador Simples Solex H30 PIC.
  • Taxa de compressão 6,8:1.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 780 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 39,1 Segundos.
  • Velocidade máxima 117 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 11,5 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1979 – Nova lanternas traseiras Fafá

O Fusca versão 1300 continua com o modelo de lanterna bicolor, já nas versões 1300L e 1600 as grandes lanternas estilo Fafá, uma alusão a cantora nacional, apelido esse dado popularmente, mas no início dos anos 2000 em um comercial do New Beetle a montadora sitou a referida lanterna e acabou pagando uma fortuna de indenização a cantora.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica – Fusca 1600 4979

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1500.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador duplo.
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 800 KG.
  • Potência 65 CV.
  • De 0 a 100 – 17,2 Segundos.
  • Velocidade máxima 139 KM/h.
  • Consumo Cidade 5,9 KM/L Estrada 9,8 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1980 – Motor a àlcool

O modelo 1300 a álcool era fraco, muito difícil nas partidas a frio, com sérios problemas de carburação, um projeto que não deu certo.

Ficha Técnica – Não informada.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.

Imagens Brunelli Veículos.



Fusca 1982 1300 GL – Ganha Ganha ignição eletrônica e alternador

Em 1982 toda a linha Fusca ganha de série alternador e ignição eletrônica, chega ao fim o pesadelo do platinado, os dias de calor com platinados colados, chegaram ao fim, o novo sistema, aumentava o tempo de vida útil do motor, dava ao carro um toque mais robusto e confiável.

A versão 1300 GL com o novo painel em plástico com relógio, rádio AM/FM, acendedor de cigarros, apoio de cabeça nos bancos dianteiros, desembaçador do vidro traseiro, protetor de borrachas no para-choque, novo logo 1300 na cor branca e GL em vermelho.

Ficha Técnica – Fusca 1300 GL ignição eletrônica.

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1300 com ignição eletrõnica.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Gasolina.
  • Carburador.
  • Alternador e ignição eletrônica
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a tambor nas 4 rodas.
  • Peso 790 KG.
  • Potência 46 CV.
  • De 0 a 100 – 41 Segundos.
  • Velocidade máxima 110 KM/h.
  • Consumo Cidade 8 KM/L Estrada 11,5 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1983 – O sedã finalmente é oficializado como Fusca.

Nos registros do Detran e patentes nacionais a montadora alemã adotou o nome papular exclusivamente para o Brasil “Fusca”.

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection



Fusca 1984 – Nasce o novo motor 1600 Tork – Mais rápido e suave

Em 1985 e 1985 foram os anos do famoso Fusca love, com o novo motor Tork, que deixou o nível de ruído interno mais suave, na cidade ficou mais ágil e na estrada mais valente.

as mudanças aconteceram, nas válvulas de escape, que ficaram maiores, capela de refrigeração com deslocamento, nova válvula de aquecimento de partida a frio temac, dando as versões a álcool mais vida.

Outra novidade foram os freios a disco de série nas rodas dianteiras, o sistema de ignição eletrônica e alternador também ganharam novo upgrade.

Novas cores como verde e azul cristal na carroceria e no estofamento deram um charme todo especial.

Ficha Técnica – Fusca 1984 1600 Tork

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1600 Tork.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Álcool.
  • Carburador.
  • Alternador e ignição eletrônica
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a disco nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras.
  • Peso 801 KG.
  • Potência 57 CV.
  • De 0 a 100 – 17 Segundos.
  • Velocidade máxima 132,9 KM/h.
  • Consumo Cidade 6,8 KM/L Estrada 10,8 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1986 – A primeira descontinuação do modelo no Brasil

Com lucros estratosféricos que viram dos EUA com a venda do Voayge Fox, a montadora resolveu descontinuar o Fusca, mesmo ainda sendo os 11 carros nacionais mais vendidos entre 1984 e 1985.

Ficha Técnica – Fusca 1986 1600 Tork

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1600 Tork.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Álcool.
  • Carburador.
  • Alternador e ignição eletrônica
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a disco nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras.
  • Peso 801 KG.
  • Potência 57 CV.
  • De 0 a 100 – 17 Segundos.
  • Velocidade máxima 132,9 KM/h.
  • Consumo Cidade 6,8 KM/L Estrada 10,8 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Fusca 1993 – Ele estava de volta! A pedido do então presidente Itamar Franco

Em 1993 o Governo Federal, por sugestão do presidente da república, aprovou a lei do carro popular veículos, refrigerados a ar ou com 1.0 cilindradas, teriam isenção de impostos.

Com novos itens de conforto e segurança

Freios a disco na dianteira com duplo circuito por eixo
Barras estabilizadoras dianteira e traseira
Ignição eletrônica e dupla carburação com sistema de reaproveitamento de gases
Câmbio de 4 velocidades à frente modernizado e relação de diferencial mais longo
Cinto de segurança retrátil de três pontos
Bancos dianteiros com encosto para cabeça e reclináveis
Luz de ré
Pisca-alerta com acionamento na coluna de direção
Limpador de duas velocidades com acionamento na coluna de direção
Para-brisa laminado degradê
Pintura metálica e para-choques na cor do veículo
Pneus radiais sem câmara
Acendedor de cigarros elétrico
Desembaçador elétrico do vigia traseiro (opcional)
Faróis auxiliares (opcional)
Vidros verdes (opcional)
Vidros traseiros basculantes (opcional)
Escapamento em saída única com catalisador
Motor 1.6 melhorado a gasolina ou a álcool com 65 cv
Direção com trava na coluna
Acabamento interno em carpete (Nos forros laterais era opcional) e tecido nos bancos

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Imagens Pastore Car Collection

Ficha Técnica – Fusca 1993 – 1996

  • Carroceria Sedã.
  • Compacto.
  • 2 portas.
  • Motor VW Box refrigerado a ar 1600 Tork.
  • Cilindros 4 oposto.
  • Bomba de gasolina com filtro.
  • Tuchos mecânicos .
  • Tração traseiras.
  • Combustível Álcool.
  • Carburador.
  • Alternador e ignição eletrônica
  • Direção Simples.
  • Câmbio manual de 4 marchas.
  • Freios a disco nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras.
  • Peso 801 KG.
  • Potência 57 CV.
  • De 0 a 100 – 17 Segundos.
  • Velocidade máxima 132,9 KM/h.
  • Consumo Cidade 6,8 KM/L Estrada 10,8 KM/L.
  • Porta malas 141 Litros.
  • Carga útil 380.
  • Tanque de combustível 41 Litros.



Séries especiais dos anos 80 e 90

  • Série Ouro: Produzido em 1996, em comemoração ao último ano de produção do Fusca no Brasil

  • Série Prata: Lançado em 1980

  • Fusca GL: Lançado em 1982

  • Série Love: Lançado em 1984

  • Série Verde Cristalino: Lançado em 1985

  • Última Série: Lançado em 1986

Fusca a história moderna 1960 a 1996
Rate this post

Deixe uma resposta