Escort XR3 1989 1.6 CHT O puro DNA Ford

Escort XR3 1989 1.6 CHT com o puro DNA Ford, em época de Autolatina ele ainda tinha um público fiel

A segunda metade da década de 1980, definitivamente mostrou para a Ford que o motor CHT, já estava ultrapassado para o mercado dos esportivos, mas ao invés de trazer o motor Zetec ou algum outro projeto europeu, a montadora passou a utilizar o badalado e eficiente motor VW AP, mesmo assim a Ford ainda mantinha seu puro DNA em algumas versão, como o Escort XR3 1989 CHT 1.6, que ainda tinha um público apaixonado.

O antigo motor Cléon Fonte, utilizado durante a década de 1970, equipava a família Corcel, com a chegada do Escort, foi rebatizado de CHT, passou a ser montado na posição transversão, também recebeu novas tecnologias, como ignição eletrônica, alternador de alta capacidade, parte elétrica de última geração, ficando um um torque mais robusto e suave.

O público fiel da montadora americana, ainda ia as concessionárias e exigia seu modelo com o motor CHT 1.6.

Desempenho

  • O motor Ford CHT 1.6, mesmo sendo um projeto ideal para um compacto na versão intermediária ou de entrada, no XR3 ainda entregava bons 86,1 CV de força, deixando o carro com a agilidade suficiente para a cidade;
  • Na estrada tinha o desempenho de um modelo de versão intermediária, mas que agradava seus fãs;
  • Em curvas de alta, tendia a sair de traseira, com piso molhado era bom o motorista ficar atento a repentinos balanços;
  • A suspensão macia proporcionava, conforto, na cidade e em retas na estrada;

Acabamento Externo

  • Frente com faróis chanfrados embutidos em um mesmo conjunto com a seta;
  • Luz de longo alcance redonda, fixada acima do para- choque dianteiro;
  • Para – Choques envolventes, na cor preto, com um friso amarelo, contrastando com a cor da carroceria;
  • Rodas de liga – leve exclusivas família Escort;
  • Friso lateral preto, com friso amarelo;
  • Retrovisor panorâmico com controle interno elétrico;
  • Teto Solar;
  • Aerofólio traseiro;
  • Limpador de vidro traseiro;
  • Logo Escort XR3 na tampa do porta – malas.

Imagem Reginaldo de Campinas

Imagem Reginaldo de Campinas

Imagem Reginaldo de Campinas

 

Acabamento Interno

  • Painel moderno, com conta – giros;
  • Volante esportivo de dois raios;
  • Botões de comando das luzes e limpadores, muito bem posicionados;
  • Acendedor de cigarros;
  • Cinzeiro embutido no painel;
  • Acabamento de bancos e portas em fino tecido aveludado;
  • Acionamento do teto solar manual;
  • Vidros e regulagem dos retrovisores elétricos;
  • Travas elétrica;
  • Ar – condicionado – Opcional;
  • Ventilador;
  • Ar – quente;
  • Rádio AM/FM – Toca – fitas;
  • Assoalho e porta malas acarpetados.

Imagem Reginaldo de Campinas

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

 

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

Imagem Reginaldo de Campinas

Ficha Técnica – Escort XR3 1989 1.6 CHT

  • Carroceria Hatch;
  • Porte Médio;
  • 2 portas;
  • Motor CHT 1.6;
  • Cilindros 4 em linha;
  • Transversal;
  • Tuchos Mecânicos;
  • Tração dianteira;
  • Combustível Gasolina;
  • Carburador;
  • Direção Simples;
  • Câmbio manual de 5 marchas;
  • Embreagem monodisco a seco;
  • Freios a disco ventilado nas rodas dianteiras e tambor nas rodas traseiras;
  • Peso 970 KG;
  • Potência 86,1 CV;
  • Potência Máxima 5600 RPM;
  • De 0 a 100 – 13,1 Segundos;
  • Velocidade máxima 157,5 KM/h;
  • Consumo Consumo na Cidade 6,7 KM/L – Estrada 10,6 KM/L;
  • Porta malas 382 Litros;
  • Carga útil 380 KG;
  • Tanque de combustível 48 Litros;
  • Preço atualizado Não informado;
  • Valor atualizado aproximado se refere apenas a uma estimativa de quanto o carro custaria hoje Zero Km na concessionária.

Imagem Reginaldo de Campinas

 

 

 

Imagem Reginaldo de Campinas

 

 

Imagem Reginaldo de Campinas

Imagem Reginaldo de Campinas


Motor Tudo – Escrot XR3 1989 1.6 CHT

Carros Clássicos Brasil – Escort XR3

Escort XR3 1989 1.6 CHT O puro DNA Ford
5 (100%) 1 vote

1 comentário em “Escort XR3 1989 1.6 CHT O puro DNA Ford”

Deixe uma resposta